U2 e Guns N'Roses lideram ranking de turnês mais rentáveis de 2017

entretenimento
31.12.2017, 10:35:00

U2 e Guns N'Roses lideram ranking de turnês mais rentáveis de 2017

Ranking das 20 maiores turnês de 2017 foi divulgado pela publicação especializada Pollstar

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Homens brancos e veteranos do rock foram os que mais lucraram com turnês em 2017, de acordo com uma lista anual da Pollstar divulgada na quinta-feira (28), e as mulheres mais bem colocadas, Céline Dion e Lady Gaga, não ficaram nem entre o top 10 do ranking.

A banda irlandesa U2 acumulou US$ 316 milhões com 50 shows da turnê de comemoração de seu 30º aniversário, Joshua Tree, sendo seguida pela banda de hard rock Guns N'Roses, que arrecadou US$ 292,5 milhões, de acordo com o ranking das 20 maiores turnês de 2017 da publicação especializada Pollstar.

Com a turnê comemorativa do álbum Joshua Tree, o U2 faturou US$ 316 milhões (foto/divulgação)


O grupo britânico Coldplay ficou em terceiro lugar, com 238 milhões de dólares, na lista na qual Bruno Mars, de ascendência porto-riquenha e filipina, foi o único cantor não branco entre os 10 mais bem colocados, com lucro de US$ 200 milhões. Ed Sheeran, de 26 anos, foi o cantor mais jovem do top 10, lucrando US$ 124,1 milhões.

Com uma média de US$ 1.500 por ingresso, a curta temporada de Bruce Springsteen na Broadway foi a que teve os preços mais caros, e os US$ 87,8 milhões que rendeu colocaram o autor de Born to Run na 14ª posição.

Em sua volta, o Guns'N Roses teve um lucro de US$ 292,5 milhões em 2017 (foto/divulgação)

No 11º lugar, com lucro de US$ 101,2 milhões, Céline Dion foi a mulher mais bem colocada da lista, enquanto a turnê Joanne de Lady Gaga rendeu US$ 85,7 milhões e deixou a cantora na 15ª posição.

Os números das turnês se contrastam com as vendas de discos e preferências de streaming nos Estados Unidos, onde o hip hop e o R&B foram os gêneros musicais mais consumidos neste ano, de acordo com um relatório de julho da consultoria Nielsen Music.

As 20 turnês mais rentáveis arrecadaram US$ 2,66 bilhões de dólares neste ano, um recorde e aumento de mais de US$ 264 milhões em relação a 2016, segundo a Pollstar.

Os britânicos do Coldplay ficaram em terceiro lugar, com faturamento de 238 milhões de dólares (foto/divulgação)

O ranking da Pollstar é baseado na venda de ingressos e não inclui a renda de produtos licenciados, que podem acrescentar um lucro considerável às turnês.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas