Unidade exclusiva para Covid-19 em Lauro de Freitas alcança 100% de ocupação

coronavírus
22.02.2021, 22:40:56
Atualizado: 22.02.2021, 22:46:29
(Lucas Lins/PMLF)

Unidade exclusiva para Covid-19 em Lauro de Freitas alcança 100% de ocupação

De acordo com a prefeitura, pacientes a regulação da Secretaria de Saúde para unidades de suporte avançado

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Com a subida dos números de casos graves de Covid-19, diversos municípios da Bahia, incluindo Salvador, têm alta taxa de ocupação de UTIs. Na noite desta segunda-feira (22), Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, anunciou que sua unidade exclusiva para o tratamento da doença chegou ao limite de ocupação.

De acordo com o último boletim divulgado pela prefeitura do município, a unidade do Pronto Atendimento Santo Amaro de Ipitanga (PASAI) opera com 100% da capacidade com todos os leitos ocupados e pacientes no aguardo da regulação para unidades de suporte avançado. 

A unidade possui sete leitos de observação e três leitos para pacientes com quadros agravados. Todos os leitos possuem suporte de oxigênio sendo três para ventilação mecânica invasiva. 

 “Desde abril de 2020, quando a unidade foi inaugurada, mais de 29 mil pessoas já passaram pelo Santo Amaro. A unidade faz parte dos esforços da gestão no enfrentamento à pandemia. O PASAI é referência no atendimento a síndromes gripais, foi uma das primeiras unidades destinadas a Covid-19 a ser implantada na Bahia”, destacou o coordenador do Comitê Operacional em Emergência da Saúde, Marcelo  Galvão.

O coordenador criticou festas irregulares e aglomerações que têm contribuído com a propagação do vírus em toda Bahia. “É surreal as autoridades ainda terem que dispersar paredões, festas e eventos. Atualmente temos 1.869 pessoas com vírus ativo no município", destacou.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), 63 pessoas morreram vítimas de coronavírus nesta segunda (22). O sistema de saúde sofre a maior pressão desde o início da pandemia, com unidades de saúde públicas e privadas registrando ocupação que ultrapassam os 80%.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas