Retomada deve começar na quinta (23) ou sexta (24), diz Leo Prates

coronavírus
17.07.2020, 11:42:00
Atualizado: 17.07.2020, 11:57:46
(Max Haack/Secom/PMS/Arquivo)

Retomada deve começar na quinta (23) ou sexta (24), diz Leo Prates

Taxa de ocupação deve chegar a 75% com entrega de novos leitos

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O secretário municipal de Saúde Leo Prates afirmou que a primeira fase da retomada econômica em Salvador deve começar na quinta (23) ou sexta (24) da semana que vem. Ele falou durante a abertura de 20 novos leitos de UTI para pacientes com coronavírus no Wet'n Wild. "Minha projeção hoje é já entrar na linha abaixo dos 75%, e acredito que quinta ou sexta da semana que vem a gente abra (retomada)".

Segundo Leo, a taxa atual de ocupação dos leitos de UTI para covid-19 em Salvador é de 78%. A retomada prevê, na primeira fase, a necessidade de que este valor fique por cinco dias em 75% ou menos, para então no sexto dia acotecer a reabertura.

"Com essa abertura da primeira ala da tenda 2, vamos para 631 leitos de UTI para coronavírus. Isso vai possibilitar que nossa taxa hoje desça para 75%. Além disso, falei com o secretário Fábio Villas Boas e ele me disse que os 25 leitos feitos em parceria estarão abertos entre hoje a noite e amanhã de manhã, baixando até amanhã a taxa para 72%, porque você passaria a ter 656 leitos de UTI, na maior expansão feita em dois dias pela prefeitura e pelo governo. É todo um esforço para que a gente faça a retomada, mas com segurança, preservando a vida das pessoas", explicou.

Além dos leitos do Wetn' Wild e da Fonte Nova, há um esforço para abrir mais 10 leitos de UTI no Hospital Sagrada Família, além da contratação de profissionais para atender mais 10 leitos no Hospital Salvador. "Se eu conseguir tudo isso, acho que a gente garante a retomada da economia entre quinta e sexta-feira da semana que vem", reforça. "É uma equação".

O prefeito ACM Neto diz que o reflexo da abertura dos novos leitos deve ser sentido amanhã. "Se mantida a demanda atual, cremos que amanhã a gente vence essa barreira dos 75% e entra no processo de contagem regressiva dos cinco dias, para que então a partir do sexto dia, com segurança e responsabilidade, possamos começar a primeira fase da retomada das atividades econômicas da capital, com reabertura de shoppings, comércio acima de 200m² e templos religiosos", afirmou ele, no mesmo evento.

"A partir do atingimento desse marco, vamos lutar para o marco seguinte, que são os 70% de taxa de ocupação por cinco dias, que vai permitir o início da segunda fase de retomada", finaliza.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas