SAÚDE MENTAL

Módulos de saúde acolhem 110 pessoas com quadros de ansiedade no Carnaval

As pessoas em crise já saem do posto encaminhados para a Rede de Atenção Psicossocial

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 13 de fevereiro de 2024 às 10:10

Módulo de Saúde no Farol da Barra
Módulo de Saúde no Farol da Barra Crédito: Jefferson Peixoto/Secom PMS

A combinação de agito, som alto e multidão no Carnaval de Salvador pode animar muita gente, mas também pode ser um gatilho para sintomas como angústia, falta de ar, irritabilidade, pânico, coração acelerado, náuseas, tremores, sudorese, entre outros.

Todos esses sintomas são apenas alguns dos sinais dos quadros ansiosos, identificados em 110 dos 167 casos de atendimento em saúde mental realizados nos módulos assistenciais do Carnaval 2024, um serviço inédito oferecido pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS). As demais ocorrências foram decorrentes do consumo de álcool e outras drogas e transtornos psicóticos.

As equipes de saúde mental fizeram uma avaliação parcial dos dados de atendimento e perceberam um aumento da procura por atendimentos de pessoas com sintomas e quadros de ansiedade. É estimado que 65% dos atendimentos em saúde mental nas unidades da folia foram relacionados aos transtornos ansiosos. O número reflete a realidade mundial, que aponta para o aumento deste tipo de condição. Segundo dados da OMS, o Brasil ocupou o primeiro lugar no ranking dos países com a população mais ansiosa do mundo.

Pela primeira vez, a SMS implementou a oferta desse atendimento especializado. Nos módulos, as pessoas em crise são acolhidas e orientadas e os residentes já saem do posto encaminhados para a Rede de Atenção Psicossocial do município.

“Muita gente imagina que a saúde precisa estar no Carnaval somente para atender casos onde a pessoa se machuca, onde a parte física é afetada, e esquecem do psicológico. Nós tivemos a preocupação de acompanhar os casos que chegam aos nossos módulos e entender a necessidade de se ter uma equipe de saúde mental para complementar os atendimentos e fortalecer a resolutividade dos casos nos próprios postos do circuito”, afirmou a vice-prefeita e secretária da Saúde, Ana Paula Matos.

Os atendimentos são feitos das 19h às 7h nos módulos de saúde do Farol da Barra, Sabino Silva, Milton Santos, no circuito Dodô; Piedade e Montanha no circuito Osmar, durante todos os dias de festa.

O Correio Folia tem apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador.