Claudia Leitte deseja feliz Ano-Novo a fãs e diz que prepara surpresa

Cantora aguarda o nascimento de David até o dia 20 de janeiro

Publicado em 2 de janeiro de 2009 às 21:10

- Atualizado há 9 meses

Aos nove meses de gravidez, a cantora Claudia Leitte desejou em seu blog um feliz 2009 para seus fãs, reproduzindo uma poesia de Carlos Drummond de Andrade - Receita de Ano Novo.

'Sei que a curiosidade de vocês vai ficar ainda mais aguçada, mas é uma questão de tempo... pra que tenham uma idéia do corre-corre, creiam no fato de que estou acordada em plena madrugada- 4:00h da manhã- preparando tudinho, só pra dispor com muito amor aqui no Blog', postou Claudia no dia 26. Desde então, ela pede paciência para os leitores e diz que a hora da surpresa está ficando mais perto.

Cantora exibe barriga de quase 9 meses

Dois dias depois, nada de atualização. A assessoria da cantora declarou ao site Ego que Claudia ainda não tem internet em sua casa nova e isso a impede de cumprir o prometido.

Sobre a chegada de David, tudo segue calmo. As 42 semanas de gestação se completam no dia 20 de janeiro e se o parto normal não ocorrer até então, os médicos irão realizar uma cesariana.

Confira a poesia que Claudia postou em seu blog:

RECEITA DE ANO NOVO(Drummond)Para você ganhar belíssimo Ano Novo cor do arco-íris, ou da cor da sua paz, Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido (mal vivido talvez ou sem sentido) para você ganhar um ano não apenas pintado de novo, remendado às carreiras, mas novo nas sementinhas do vir-a-ser; novo até no coração das coisas menos percebidas (a começar pelo seu interior) novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota, mas com ele se come, se passeia, se ama, se compreende, se trabalha, você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita, não precisa expedir nem receber mensagens (planta recebe mensagens? passa telegramas?) Não precisa fazer lista de boas intenções para arquivá-las na gaveta. Não precisa chorar arrependido pelas besteiras consumadas nem parvamente acreditar que por decreto de esperança a partir de janeiro as coisas mudem e seja tudo claridade, recompensa, justiça entre os homens e as nações, liberdade com cheiro e gosto de pão matinal, direitos respeitados, começando pelo direito augusto de viver. Para ganhar um Ano Novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre.