Zagueiro do Boca Juniors tem casa roubada durante jogo

esportes
18.01.2022, 19:15:00
Marcos Rojo teve a casa roubada na última segunda-feira (17) (Reprodução/Instagram)

Zagueiro do Boca Juniors tem casa roubada durante jogo

Marcos Rojo estava em estádio quando sua residência foi invadida na Argentina

O zagueiro Marcos Rojo, que defendeu a seleção da Argentina na Copa do Mundo de 2018, teve sua casa roubada na noite de segunda-feira (17), enquanto assistia a uma partida do Boca Juniors, seu atual clube. De acordo com o jornal Olé, os criminosos levaram dinheiro, joias, medalhas e outros objetos de valor.

Entre os pertences, também estavam uma bolsa da marca Louis Vuitton com escudo da NBA, um Iphone, um medalhão com o símbolos do Estudiantes, além de relógios de luxo.

Na manhã desta terça-feira (18), o jogador compartilhou em seu Instagram uma publicação que denuncia o ocorrido. "Infelizmente, ontem, enquanto assistia com sua família o jogo do Boca Juniors contra o Colo Colo, a casa de Marcos Rojo foi assaltada", diz o post.

O zagueiro mora com a esposa, Eugenia Lusardo, e filhas no Club Miralagos, bairro privado localizado em La Plata, província de Buenos Aires.

A publicação repostada por ele acrescenta, com indignação, que o roubo aconteceu em um condomínio fechado. "Seria lógico que as autoridades investiguem como em um espaço privado e com segurança esse tipo de coisa aconteça", conclui.

De acordo com as investigações preliminares, os ladrões invadiram o local após digitar o código do alarme e se dirigiram ao cofre. Segundo consta no boletim de ocorrência, quando chegaram à casa, Rojo e sua família notaram que uma das janelas da frente da casa estava quebrada. Ao entrarem, viram o cofre vazio.

Conforme relatado pela mídia local, uma mulher de 44 anos, identificada como Andrea Fabiana Gonzalez, foi detida pela polícia. Ela trabalhava como empregada doméstica na residência, e foi presa após a polícia analisar imagens do circuito de segurança.

Eugenia Lusardo informou às autoridades que Andrea Fabiana havia passado boa parte do tempo de seu expediente naquele dia limpando a área por onde os criminosos ingressaram.

Apesar de estar no estádio Jorge Luis Hirschi, Rojo não entrou em campo na segunda-feira (17), por ter sentido um desconforto muscular. Assim, acompanhou das arquibancadas a vitória por 2x0 do Boca Juniors sobre o Colo-Colo, em amistoso. 

O zagueiro, que também pode jogar como lateral esquerdo, disputou as últimas duas Copas do Mundo pela seleção argentina.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas