Barata tem cheiro? Entenda por que algumas pessoas sentem, e outras não

Pesquisador explica se existe mesmo esse cheiro ou não

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 10 de março de 2024 às 09:00

Barata tem cheiro?
Barata tem cheiro? Crédito: Divulgação

Um dos grandes debates populares que existem é: cheiro de barata existe? Parte das pessoas afirma que sim, que dá pra saber quando tem um animalzinho desses na área. Já outras pessoas ficam sem entender nada, pois não sentem absolutamnete cheiro nenhum.

E sim, cheiro de barata existe. Só que, de fato, não é todo mundo que tem a capacidade de sentir. Segundo Paulo Ribolla, biólogo docente da Unesp, isso é uma questão genética. Quem tem os genes capazes de sentir o cheiro do inseto possuem o dom de detectar uma substância química chamada trimetilamina, ou o TMA.

"As baratas liberam um monte de substâncias para se comunicar. Nós [seres humanos] temos um receptor específico para TMA. Só que há pessoas que têm mutação nesse receptor e ele não funciona. Só sente o cheiro quem tem esse receptor selvagem, não mutável", disse em entrevista concedida ao G1.

Essa variação genética, segundo estudo publicado em 2019 na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS), faz com que cada pessoa sinta o cheiro de uma forma.

Alguns, por exemplo, dizem que o cheiro de barata parece peixe podre. Outros associam a cheiro de mofo. Já alguns sequer notam qualquer odor.