10 benefícios dos chás para a saúde

10 benefícios dos chás para a saúde

Veja como o consumo regular dessa bebida pode melhorar o funcionamento do organismo e ajudar a prevenir doenças

  • Foto do(a) author(a) Portal Edicase
  • Portal Edicase

Publicado em 1 de abril de 2024 às 16:25

Imagem Edicase Brasil
Saborosos, os chás ajudam a tratar e prevenir doenças (Imagem: Gladskikh Tatiana | Shutterstock) Crédito:

Ao longo dos séculos, os chás têm ocupado um lugar central em diversas culturas ao redor do mundo, não apenas por seu sabor variado e agradável, mas também por suas propriedades medicinais e terapêuticas.

“Chás de ervas em infusão são fontes de compostos bioativos, que associados a hábitos de vida saudáveis oferecem benefícios à saúde de forma geral”, diz Isabela Xavier, nutricionista consultora da Leão Alimentos e Bebidas

Confira, a seguir, 10 benefícios dos chás para a saúde e descubra como essa antiga tradição continua a ser uma fonte valiosa de bem-estar.

1. Antioxidantes poderosos

Muitos deles, como o chá verde e o chá preto, são ricos em antioxidantes que ajudam a combater os radicais livres no corpo, reduzindo o estresse oxidativo e diminuindo potencialmente o risco de doenças crônicas.

“Um dos processos que pode aumentar a velocidade de envelhecimento é a oxidação das moléculas do organismo. A bebida atua justamente nesse aspecto, protegendo contra os radicais livres”, explica o médico Alex Botsaris, clínico-geral e especialista em doenças infecciosas e membro do Programa Estadual de Plantas Medicinais da Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro (SES/RJ).

2. Saúde do coração

Beber chá regularmente pode estar associado a um menor risco problemas cardiovasculares, como doenças cardíacas e derrames, devido às propriedades anti-inflamatórias e vasodilatadoras dos compostos encontrados na bebida.

3. Controle do açúcar no sangue

O chá verde e o chá de canela podem ajudar a regular os níveis de glicose no sangue, auxiliando no controle do diabetes tipo 2 e na prevenção de picos de açúcar no sangue após as refeições.

4. Melhora da digestão

Muitos chás de ervas, como camomila, hortelã e boldo-do-chile são conhecidos por suas propriedades calmantes e anti-inflamatórias que podem ajudar a aliviar problemas digestivos, como inchaço, gases e indigestão.

“O boldo-do-chile não é encontrado fresco, somente seco, e possui alcaloides como a boldina e outras substâncias benéficas, que têm ações antissépticas e anestésicas. Por isso, é uma boa opção contra o mal-estar ligado ao sistema digestório, quando comemos algo que não caiu bem ou alimentos gordurosos de difícil digestão”, diz Sabrina Jeha, herborista e consultora de fitoterapia.

Imagem Edicase Brasil
O chá de hibisco ajuda a reduzir os níveis de colesterol ruim (Imagem: KRIACHKO OLEKSII | Chá de hibisco) Crédito:

5. Redução do colesterol

Certos tipos de chás, como o de hibisco, têm demonstrado capacidade de reduzir os níveis de colesterol LDL (“ruim”) e aumentar o colesterol HDL (“bom”), contribuindo para a saúde cardiovascular.

6. Estímulo ao sistema imunológico

O chá contém compostos como polifenóis e catequinas que têm propriedades antimicrobianas e anti-inflamatórias, auxiliando na defesa do organismo contra infecções e fortalecendo o sistema imunológico.

7. Promoção da hidratação

O chá é uma opção saudável para manter o corpo hidratado. “Além dos inúmeros benefícios específicos, os chás hidratam , pois aumentam o aporte de líquido no organismo, o que é fundamental para o funcionamento dos rins”, afirma o médico Alex Botsaris. 

8. Redução do estresse e da ansiedade

Algumas variedades de chá, como de camomila e de lavanda, possuem propriedades relaxantes que podem ajudar a aliviar o estresse e a ansiedade. Sabrina Jeha indica o hábito de tomar duas xícaras de chá após às 17h, ou antes de dormir. “É a pausa que se faz necessária após um dia estressante”, completa a especialista.

9. Melhora a qualidade do sono

Um benefício menos conhecido do chá é sua capacidade de melhorar a qualidade do sono , especialmente variedades como a valeriana, a erva-cidreira e a camomila, que possuem propriedades relaxantes.

10. Aumento da concentração e da cognição

A cafeína presente em certos tipos de ervas, como o chá preto e o chá oolong, pode melhorar o estado de alerta, a concentração e a função cognitiva, além de proporcionar um impulso de energia semelhante ao do café, mas de forma mais suave e sustentável.