Barbie humana gasta R$ 48 mil para 'se vingar' do ex-namorado traidor

em alta
02.03.2020, 15:05:00
Atualizado: 02.03.2020, 15:20:29

Barbie humana gasta R$ 48 mil para 'se vingar' do ex-namorado traidor

Americana descobriu que o antigo companheiro era noivo de outra mulher

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

(Foto: Reprodução/Instagram @real_estate_barbie)

Imagine descobrir que o seu namorado tem uma noiva depois de 1 ano e meio de uma relação que parecia ir bem. Isso aconteceu com americana Jo Ann Munz, 54 anos. Após o término, a mulher decidiu 'se vingar' e gastou R$ 48 mil para isso.

Moradora de Las Vegas, Jo Ann usou o dinheiro para fazer procedimentos estéticos para mostrar para o ex o que ele perdeu. Com as mudanças, a americana, que trabalha no mercado imobiliário, lançou uma carreira de modelo amadora no Instagram e ficou conhecida como mais uma 'Barbie humana'.

A americana afirmou ter sofrido depressão após o término com o ex que a traiu. Devido à doença, ela perdeu 14 quilos. A mulher afirmou não desconfiar da fidelidade do antigo parceiro durante o namoro.

Desde o fim do relacionamento, Jo Ann já estrelou um ensaio picante no deserto. "A vingança foi o ímpeto originalmente para minha primeira sessão de fotos, mas, depois que comecei a receber respostas positivas das mulheres, percebi que estava inspirando algumas delas a sair de suas zonas de conforto", disse Jo Ann, em reportagem no "Mirror".

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas