Conheça os caminhões e furgões que podem ser guiados com carteira B

só se vê no correio
12.06.2021, 05:16:00
O Iveco Daily que pode ser guiado com CNH B é oferecido com carroceria do tipo furgão e chassi-cabine, que pode levar um baú, por exemplo (Fotos: Divulgação)

Conheça os caminhões e furgões que podem ser guiados com carteira B

Ideal para autônomos e pequenos negócios, alguns utilitários podem ser dirigidos com a mesma CNH de carros de passeio. As opções começam em R$ 124.990

Agregar um novo serviço à empresa ou começar um novo negócio pode levar à necessidade de ter um veículo maior. Aí entra a legislação: a categoria da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) define quais tipos de veículos o motorista pode guiar. 

A mais comum é a do tipo B, que permite a condução de veículos com até 3.500 kg de capacidade de carga e até oito passageiros, além do próprio motorista, totalizando nove pessoas a bordo.

Por isso, se você não tem tempo ou está disposto em investir até R$ 2 mil para mudar de categoria, pode buscar utilitários que podem ser conduzidos com a CNH do tipo B. Dirigir com CNH de categoria diferente é uma infração gravíssima, que soma sete pontos e custa R$ 586,94.

Para quem está planejando guiar e/ou adquirir um furgão ou caminhão, separamos opções que podem ser conduzidos por motoristas que utilizam a CNH tipo B.

Hyundai HR
Montado em Goiás, o caminhão utiliza um motor 2.5 litros a diesel que entrega 130 cv de potência e 26 kgfm de torque. Sem os implementos, como carroceria ou baú, e o motorista pode transportar até 1.800 kg. Custa R$ 124.990. Com ar-condicionado, passa para R$ 131.990.

O Hyundai HR e o Kia Bongo são produtos semelhantes e possuem a mesma motorização

Kia Bongo
A versão K2500 tem um motor 2.5 litros a diesel que entrega 130 cv de potência e 26 kgfm de torque - é o mesmo propulsor do Hyundai HR. Com a carroceria, ele tem capacidade para transportar até 1.530 kg. Oferecido por R$ 124.990. Com ar-condicionado fica R$ 10 mil mais caro.

O cliente pode adequar a carroceria a diversos tipos de implementos, até um food truck

Iveco Daily
Renovada no ano passado, a Daily conta com a opção furgão 30-130 City, que custa R$ 168 mil, e a opção 35-150, que é chassi-cabine, oferecida por R$ 187 mil. Os preços são de versões completas, que incluem ar-condicionado e central multimídia. O 30-130, que leva até 1.470 kg, é equipado com um motor 2.3 litros diesel que rende 130 cv de potência e 32,6 kgfm de torque. O 35-150, que pode transportar até 2.230 kg, tem um motor diesel de 3 litros que desenvolve 146 cv a 3.600 rpm e torque de 35,7 Kgfm. 

Versátil, o Iveco Daily é oferecido na carroceria furgão ou chassi-cabine

Mercedes-Benz Sprinter
A marca oferece duas opções para a 314 Street: furgão (a partir de R$ 204.400) e chassi-cabine (a partir de R$ 187.700). Ambos utilizam o motor 2.2 litros que produz 143 cv e 33,6 kgfm. O furgão tem capacidade para transportar até 1.320 kg e o chassi-cabine, 1.620 kg, sem incluir o peso do implemento. O ar-condicionado é de série e a direção tem assistência elétrica.

Renovado recentemente, o Sprinter também tem opções de carroceria

Peugeot Boxer Cargo
É equipado com um motor 2 litros a diesel que rende 130 cv de potência e 34,7 kgfm. Custa R$ 225.990 e tem capacidade para transportar até 1.311 kg.

O Boxer Cargo chegou ao mercado nesta semana com carroceria tipo furgão

Renault Master
Independentemente do tipo de carroceria, furgão ou chassi-cabine, o motor é um 2.3 litros a diesel que rende 130 cv de potência e 31,7 kgfm de torque. O chassi-cabine, que custa a partir de R$ 188.990, pode levar até 1.760 kg e o furgão, oferecido a partir de R$ 205.280, até 1.593 kg.

O Renault Master é encontrado no estilo furgão e também como caminhãozinho (chassi-cabine)

Volkswagen Delivery Express
O menor caminhão da empresa é produzido no Rio de Janeiro e utiliza um motor diesel de 2.8 litros fornecido pela Cummins que entrega 150 cv de potência e 36,7 kgfm de torque. A capacidade de carga sem incluir o implemento fica em apenas 1.398 kg. Custa R$ 194.322.

O Delivery Express é o menor caminhão da Volkswagen

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas