Documentário homenageia comunidade LGBT

entretenimento
30.07.2019, 19:25:00
Atualizado: 30.07.2019, 19:27:32
(Divulgação)

Documentário homenageia comunidade LGBT

Balizando 2 de Julho acompanha a vida de uma baliza trans e um baliza gay

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Nas comemorações do 2 de Julho, pela independência da Bahia, destacam-se as fanfarras e, na frente delas, estão as balizas, que ajudam a conduzir as bandas no desfile.

O documentário Balizando 2 de Julho, que será exibido nesta quarta (31), no Espaço Cultural da Barroquinha, homenageia a comunidade LGBT, representada no filme por balizas e balizadores gays e transexuais.

“É um momento marcante para mostrar a todos, com orgulho e simpatia, o trabalho realizado durante todo o ano. É um momento em que cada banda chega para brilhar”, diz Fabíola Aquino, que assina direção e roteiro do filme com Márcio Lima.

Balizando 2 de Julho acompanha a trajetória de Diana Souza, uma baliza trans, e Gabriel Vilasboas, um balizador gay. Durante os ensaios, escolha de figurino e criação de coreografia, eles revelam uma realidade cercada de preconceito e obstáculos como a difícil relação com o mercado de trabalho, a aceitação da orientação sexual e identidade de gênero e a relação com familiares e comunidade. 

Serviço
O quê: Exibição do documentário Balizando 2 de Julho
Onde: Espaço Cultural da Barroquinha (Rua do Couro, Barroquinha)
Quando: Quarta-feira (31), 19h.
Grátis

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas