Espetáculo Os Pássaros de Copacabana aborda preconceitos e ditaduras veladas

entretenimento
30.08.2018, 10:35:00
(Foto: Fábio Abu)

Espetáculo Os Pássaros de Copacabana aborda preconceitos e ditaduras veladas

Peça trata de situações do passado para fazer referências a questões atuais

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A luta diária contra o preconceito e a persistência das ditaduras veladas são os motes principais do espetáculo Os Pássaros de Copacabana, que retorna, a partir de hoje, para curta temporada no Teatro SESI Rio Vermelho. O monólogo musical fará seis apresentações, nas quintas e sextas, ao comando do ator Marcelo Praddo, sob a direção de Gil Vicente Tavares – ambos premiados em suas categorias com o Prêmio Braskem de Teatro 2017. O espetáculo prossegue até o dia 14 de setembro, sempre às 20h, com valores de R$ 30 e R$ 15.

Na montagem, uma travesti tenta, às vésperas do Golpe de 1964, fazer um espetáculo em homenagem ao compositor Ary Barroso, por encomenda de seu amante militar. Em cena, Praddo interpreta clássicos de Ary e canções menos conhecidas, intercalando com depoimentos e lembranças da vida da personagem.

Enquanto apresenta as realidades da época, o espetáculo utiliza o passado para falar do presente, revelando sentimentos e segredos de quem tenta superar intolerâncias em meio ao período conturbado do Brasil. As canções são executadas ao vivo, com o acompanhamento do multi-instrumentista Elinaldo Nascimento, que materializa os arranjos do diretor musical Jarbas Bitencourt. Tocando piano, acordeom ou guitarra, o músico dialoga com o personagem através das canções de Ary Barroso.

Com iluminação de Eduardo Tudella, cenário e figurinos de Euro Pires, a equipe conta ainda com a direção de movimento de Bárbara Barbará e a maquiagem de Anna Oliveira.

SERVIÇO
Teatro SESI Rio Vermelho.
Quintas e sextas, às 20h.
Até dia 14 de setembro.
Ingresso: R$ 30 | R$ 15.
Clube CORREIO: 50% de desconto.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas