Michelle Bolsonaro lamenta morte de empresário no Horto: 'Sua dor é nossa'

salvador
13.01.2021, 16:22:00
Atualizado: 13.01.2021, 17:16:27
(Reprodução/Instagram)

Michelle Bolsonaro lamenta morte de empresário no Horto: 'Sua dor é nossa'

Primeira-dama é amiga da irmã de Elton Campelo e se solidarizou com a perda

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A primeira-dama Michelle Bolsonaro desejou sua solidariedade aos familiares do empresário Elton Gonçalves Campelo, 35 anos, morto pela namorada em um apartamento de luxo no Horto Florestal, em Salvador. A suspeita da Polícia Civil é que a namorada dele, Isabela Valença, 33 anos, tenha matado Elton e se suicidado em seguida.

Nas redes sociais, a primeira-dama fez seu comentário em um post com o depoimento da irmã do empresário, a médica Priscilla Campelo, que falou da perda do irmão. 

"Meu irmãozinho caçula, meu padrinho de casamento e padrinho dos meus filhos! Eltinho para os amigos, Ton para a família, Titiquinho para as irmãs e Dindão para os sobrinhos. Menino de sorriso largo e contagiante, forte, corajoso, amigo e amado por todos, apaixonado pela vida e pela família, agregador, cheio de projetos em andamento! Meu coração está despedaçado! De maneira cruel, covarde, egoísta, dormindo e sem chance de se defender, te tiraram de nós! Ton, me perdoa por não ter conseguido perceber algum sinal do que estava por vir! Mas eu acredito em justiça Divina", escreveu Priscila, que agradeceu as mensagens e apoio de amigos e familiares. "Ainda não tenho condições de respondê-las. Obrigada a todos que estiveram presente hoje (ontem) no Jardim da Saudade, meus familiares (não sei o que seria de nós sem vocês!!!), amigos do meu irmão (parecia um oceano), amigos dos meus pais, amigos da minha irmã. Um obrigada especial aos meus amigos de infância", finalizou.

"Pri. Só Deus para dar consolo. Estamos em oração por você e sua família. A sua dor é a nossa dor. Amo você amiga", escreveu Michelle Bolsonaro. Priscila, que é dermatologista, é amiga da primeira-dama. 

A mãe de Elton, a decoradora Elza Campelo, também fez um post em homenagem ao filho. "Vai fazer muita falta meu filho amado, meu amigo e companheiro. Um menino alegre, de bem com a vida, amente da natureza. Amigos dos amigos. Amava e era amado por todos. Foi arrancado de nós brutal e covardemente por uma pessoa que acolhemos como se da família fosse, pelas costas, enquanto dormia. Sem chance de se defender. Estamos dilacerados, destroçados. Uma dor que nunca imaginei sentir. Rogo a Deus e a virgem mãe santíssima que te acolha em seus braços e que ela dê o colo que não posso te dar. Te amo, meu filho. Te amo infinito. Sempre sua Dona Elza”, escreveu.

(Foto: Reprodução)

Crime

De acordo com a investigação da polícia, na tarde de domingo, os corpos de Elton e Isabela foram encontrados pelos pais de Elton, a decoradora Elza Campelo e o empresário Gladston Campelo, donos do apartamento, que estavam em outro quarto na hora do crime.

Elton e Isabela foram mortos com tiros na cabeça. O corpo dele foi encontrado em cima da cama da suíte onde o casal estava, enquanto o dela foi achado no banheiro do cômodo. Ao lado dela, estava a arma do crime, uma pistola que pertencia a Elton, que tinha porte de arma.

As circunstâncias reforçam a hipótese da polícia para o crime: um homicídio seguido de suicídio. Segundo a Polícia Civil, o pai do empresário se assustou ao ouvir um barulho de tiro e foi ao quarto do casal, que passava as férias em Salvador.

Elton morava em Juazeiro, na região do Vale São Francisco, onde nasceu. Já Isabela morava em Petrolina, cidade vizinha, em Pernambuco.

Ainda segundo informações preliminares, não houve nenhuma discussão do casal momentos antes do crime. No sábado (8), horas antes do assassinato, Isabela chegou a postar uma foto com o namorado em sua rede social. Os dois namoravam desde 2018.

O motivo do crime ainda é um mistério para polícia e também para os parentes de Elton. “Me perdoe, mas está sendo muito difícil para todos nós. Ninguém tem explicação para o que aconteceu, para nada”, disse emocionada, nesta segunda-feira (11), a prima de Elton, Lívia Campelo.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas