Neymar sofre falta dura e sai de maca chorando em derrota do PSG

esportes
13.12.2020, 19:59:00
Atualizado: 13.12.2020, 19:59:53
Neymar saiu de maca chorando após tesoura dada por Thiago Mendes (Foto: Franck Fife/AFP)

Neymar sofre falta dura e sai de maca chorando em derrota do PSG

Atacante leva tesoura do volante Thiago Mendes, do Lyon, e passará por exames

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Deu tudo errado para o Paris Saint-Germain e para Neymar neste domingo no jogo contra o Lyon, no estádio Parque dos Príncipes, em Paris, pela 14.ª rodada do Campeonato Francês. O time perdeu por 1x0 e deixou a liderança da competição, caindo para a terceira colocação. Já o craque brasileiro, mais uma vez caçado em campo, se lesionou em um lance no final da partida e saiu de campo chorando na maca.

Nos acréscimos, aos 50 minutos do segundo tempo, Neymar sofreu uma entrada dura do volante brasileiro Thiago Mendes (ex-São Paulo), ficou caído no gramado sentindo muitas dores e pediu atendimento médico. Depois dos primeiros socorros, saiu de maca chorando.

O tornozelo esquerdo do jogador do Paris Saint-Germain ficou preso na tesoura dada pelo compatriota, que recebeu inicialmente o cartão amarelo. O árbitro Benoit Bastien foi chamado para rever o lance no monitor de vídeo e rapidamente decidiu mudar a sua decisão e expulsou o atleta do Lyon.

Em entrevista coletiva após a partida, o técnico alemão Thomas Tuchel se limitou a dizer que Neymar passará por exames nesta segunda-feira para saber a gravidade da lesão. "Não há o que dizer. Ele está com os fisioterapeutas, temos que esperar pelos exames amanhã (segunda)", declarou.

Com uma grande atuação coletiva e de forte marcação, o Lyon obteve algo que não conseguia há 13 anos: uma vitória contra o Paris Saint-Germain, em Paris, pelo Campeonato Francês. Grande parte disso foi obtida com um bom desempenho em campo do meia brasileiro Lucas Paquetá.

O gol da vitória do Lyon saiu aos 24 minutos do primeiro tempo. Em uma saída de bola errada do Paris Saint-Germain, o time visitante armou rápido o contra-ataque e Kadewere ficou na cara do goleiro costa-riquenho Keylor Navas para colocar a bola no fundo das redes.

O resultado levou o Lyon à vice-liderança do Francês. Tem os mesmos 29 pontos que o Lille, que neste domingo derrotou em casa o Bordeaux por 2 a 1, mas perde no saldo de gols (16 a 14). O Paris Saint-Germain está logo atrás dos dois com 28 pontos. Com dois jogos a menos que os rivais, o Olympique de Marselha ocupa o quarto lugar com 27.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas