Polêmica, novela Celebridade será reprisada no Vale a Pena Ver de Novo

entretenimento
16.10.2017, 12:33:00
Atualizado: 16.10.2017, 15:50:36

Polêmica, novela Celebridade será reprisada no Vale a Pena Ver de Novo

Marcada por nudez e violência, a trama de Gilberto Braga voltará ao ar no final de novembro

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Bastante celebrada, a reprise de Senhora do Destino no Vale a Pena Ver de Novo terá uma substituta à altura: Celebridade. Assim, depois de Nazaré Tedesco (Renata Sorrah) outra vilã de peso deverá se tornar um dos assuntos mais comentados das redes sociais, Laura Prudente da Costa, a pilantra vivida por Cláudia Abreu.

A novela de Gilberto Braga, lançada em 2003, era uma das mais pedidas pelos fãs nas redes sociais, mas devido ao conteúdo adulto, que forçou adaptações e cortes inclsive na época de exibição, estava na lista de títulos "proibidos" pela emissora. 

Marcada por cenas de nudez e violência, além de muitos palavrões e personagens sem caráter, a trama de Gilberto Braga voltará ao ar no final de novembro.

Com Celebridade, a Globo irá quebrar a norma interna de não exibir na faixa vespertina novelas com temas pesadas.. No entanto, muitos ajustes e cortes serão feitos no material a ser exibido no Vale a Pena Ver de Novo, incluindo algumas expressões que marcaram personagens como o de Deborah Secco, a manicure Darlene que costumava se apresentar dizendo que o nome era escrito com "D de dar". 

Juliana Paes e Deborah Secco interpretaram as manicures Jaqueline Joy e Darlene, que faziam de tudo para conquistar a fama (Foto: Divulgação)

Celebridade foi um grande sucesso de audiência e de repercussão, mas também foi alvo de diversas causas judiciais. Três meses após a estreia, o Ministério da Justiça reclassificou a produção como imprópria para menores de 14 anos por conter "violência, insinuação de sexo e nudez". A Globo enfrentou ações judiciais para mantê-la no ar no Nordeste (onde era exibida antes das 21h, por causa do horário de verão) e no Acre (onde passava às 18h).

Uma das cenas mas lembradas da novela foi a da surra que Maria Clara (Malu Mader) deu em Laura, quando a vilã ganha um prêmio após roubar a ideia da ex-modelo e produtora. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas