Carpegiani muda esquema e indica Bahia mais ofensivo

e.c. bahia
06.10.2017, 17:48:16
Atualizado: 06.10.2017, 20:27:54
Carpé segue testando a equipe (Felipe Oliveira / EC Bahia)

Carpegiani muda esquema e indica Bahia mais ofensivo

Time trabalhou no 4-1-4-1 na tarde desta sexta-feira (6)

Em seu segundo dia no Bahia, o técnico Paulo Cézar Carpegiani já está mudando o modo do tricolor jogar. No treino tático desta sexta-feira (6), o novo comandante tricolor testou nova formação: sai o 4-2-3-1 e entra o 4-1-4-1.

A atividade teve como titulares Jean; Eduardo, Rodrigo Becão, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Juninho; Edigar Junio, Zé Rafael, Vinícius e Mendoza; Rodrigão. Carpé parou o treino a toda hora para orientar o novo posicionamento dos atletas.

O destaque foi o lado direito. Quando chegava ao ataque, Edigar Junio cortava para o meio, com Zé Rafael abrindo na direita. O lado esquerdo, com Vinícius e Mendoza, precisou de mais observações por parte do chefe. Juninho Capixaba, com dores numa coxa, foi poupado.

O Bahia tem utilizado o 4-2-3-1 constantemente desde Guto Ferreira, quando subiu assim para a Série A no final do ano passado. Jorginho e Preto continuaram com o esquema.

Trocas

No decorrer do treino tático, o comandante sacou Rodrigão da equipe e avançou Edigar Junio para jogar como centroavante. Com isso, Régis entrou mais centralizado e Zé Rafael ficou aberto na ponta direita.

Outro destaque foi a marcação solicitada por Carpegiani, bastante adiantada, desde o campo de defesa do time adversário.

Juninho atuou durante toda a atividade como único volante entre as linhas. Para enfrentar o Palmeiras, porém, o titular deve ser Renê Júnior, que fez um trabalho físico no campo ao lado. Se ele ficar à disposição de Carpegiani, a tendência é que Vinícius perca a vaga.

*com informações de Bruno Queiroz