Escola do Rio desfila com presidente vampiro e guerreiros da CLT

variedades
12.02.2018, 18:04:11
O destaque de um dos carros da Tuiuti era um vampiro usando uma faixa presidencial (Mauro Pimentel/AFP)

Escola do Rio desfila com presidente vampiro e guerreiros da CLT

Paraíso do Tuiuti questionou se a escravidão foi, de fato, extinta e mostrou manifestantes batendo panela com camisa da seleção brasileira sendo manipulados por mãos gigantes que saiam de um carro com bolsas de dinheiro

130 anos depois da Lei Áurea, a escola de samba Paraíso do Tuiuti aproveitou seu espaço na avenida para questionar se a escravidão foi, de fato, extinta no Brasil. A pergunta foi tema da apresentação, que começou pela exploração dos negros trazidos da África no passado, até terminar com a atual precarização do trabalho.

Precarização do trabalho foi um dos temas abordados pela Tuiuti

A parte final do desfile teve ainda críticas sociais atuais, como à reforma trabalhista. A ala guerreiro da CLT representava os trabalhadores que estão tentando se proteger dos ataques às leis do trabalho.

O nome da ala que criticou a reforma das leis trabalhistas se chamou guerreiro da CLT

Num outro carro havia os manifestoches, pessoas vestidas com camisas da seleção brasileira e com panelas, que eram manipuladas por mãos gigantes que saiam de um carro com sacos de dinheiro no topo. O destaque era um vampiro usando uma faixa presidencial.

Os manifestoches na Sapucaí

"Esse foi o melhor carnaval da história da Tuiuti. Foi o carnaval da superação, depois de tudo que aconteceu no ano passado. Estamos buscando traçar o mesmo caminho das grandes escolas. Elas erraram no passado também. Nós demos a volta por cima", disse o presidente da Paraíso da Tuiuti, Renato Thor, ao jornal O Globo, após a passagem pela Sapucaí.

Detalhe do carro contra a precarização do trabalho na Tuiuti

Ano passado, a escola ficou na última colocação e só não caiu porque, por conta dos acidentes com carros alegóricos na agremiação e também na Unidos da Tijuca, não houve 'rebaixamento'.

O afirmou, após o fim da passagem da escola pela Marquês de Sapucaí, que "esse foi o melhor carnaval da História da Tuiuti". A escola passou pela avenida repleta de sátiras e referências a temas polêmicos.

DESFILE REPERCUTE NAS REDES

A hashtag #tuiuti chegou a ser a segunda no ranking dos trending topics do Brasil no Twitter. Nas redes sociais em geral, pessoas elogiaram a letra do samba e elementos do desfile, como o vampiro com faixa de presidente e os 'manifestoches'. Confira algumas postagens: