brasil

Loja é acusada de plagiar estampa da página 'Coisas Boas Acontecem'

Designer de São Paulo usou redes sociais para denunciar plágio da C&A

  • D
  • Da Redação

Publicado em 19 de outubro de 2015 às 17:13

 - Atualizado há um ano

A loja de departamento C&A está sendo acusada por um designer de São Paulo de plagiar uma estampa criada para a página 'Coisas Boas Acontecem'. No domingo (18), Phellipe Wanderley, autor da página, usou as redes sociais para denunciar o plágio.Loja é acusada de plagiar estampa da página 'Coisas Boas Acontecem'(Foto: Reprodução/Instagram)Nas redes sociais, o designer de 23 anos postou a foto de uma blusa cinza vendida pela C&A e, ao lado dela, a estampa original, que teria sido criada e escrita por ele. "Oi, C&A! Vocês poderiam ter me chamado pra criar umas estampas ao invés de usar uma arte minha SEM AUTORIZAÇÃO", escreveu Phellipe.Segundo informações da revista 'Exame', até o momento o designer não recebeu nenhum posicionamento da marca. "Eles me seguem no Twitter, podem mandar mensagem direta, mas até agora não fizeram isso. Nem entraram em contato por e-mail", disse à publicação.Phellipe acredita que a empresa tenha conseguido o seu desenho através do Instagram, já que ele postou a mesma imagem há quase um ano. Em conversa com a 'Exame', a C&A respondeu apenas que está apurando o caso internamente.