PLANEJOU ASSASSINATO

Mulher confessa que mandou matar marido porque sofria violência doméstica em São Paulo

Homem foi morto enquanto se preparava para dar uma carona a um casal

  • D
  • Da Redação

Publicado em 14 de novembro de 2023 às 11:38

Crime aconteceu no litoral de São Paulo
Crime aconteceu no litoral de São Paulo Crédito: Reprodução

Uma mulher de 46 anos contou à polícia que contratou um atirador para executar o marido no litoral de São Paulo. A vítima foi o empresário Marcos Nascimento da Rocha, de 48 anos. Segundo a companheira, o objetivo era se livrar da agressão do companheiro. Ela e o atirador foram presos. O motorista de fuga é procurado pela Justiça.

O caso aconteceu em 16 de setembro. Na época, Janaina teria dito no depoimento que o empresário tinha envolvimento com agiota e histórico de dívidas. Após um mês da ocorrência, o motorista de fuga foi identificado e confessou que foi contratado pela mulher. Na ocasião ele foi preso em flagrante por porte de arma, mas depois foi solto após audiência de custódia

O delegado titular da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Praia Grande (SP) informou ao G1 que a mulher disse, em novo depoimento, que era vítima de violência física, psicológica e sexual.

Ela acrescentou que o empresário era usuário de drogas e as agressões eram intensificadas quando o homem estava sob efeito de entorpecentes. O casal estava junto há cerca de três anos e vivia em união estável.

"Ela confirmou que é a mandante do crime e fez isso para se livrar das agressões dele, descartando a intenção de ficar com o dinheiro do seguro. Tanto é que ela não tinha nem dado entrada no seguro ainda", explicou o delegado.

No dia do crime, o empresário saia de uma adega que administrava na Avenida Guilhermina e se preparava para dar uma carona a um casal de amigos quando foi baleado com três tiros no tórax. Ele passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos.