Com cortejo esvaziado, Mudança do Garcia passa pelo Circuito Osmar

Grupos de Samba se concentraram no bairro que dá o nome do bloco

Publicado em 12 de fevereiro de 2024 às 16:45

Mudança do Garcia
Mudança do Garcia Crédito: Paula Fróes/CORREIO

Muitos que estavam esperando a imponente Mudança do Garcia, com seus protestos e gritos de guerra, viram um desfile esvaziado, que passou quase despercebido nesta segunda-feira (12), no Circuito Osmar (Campo Grande).

A concentração, que começou às 10h no bairro do Garcia, Centro da capital baiana, passou pela passarela de Imprensa apenas às 12h30, com pouca gente, e poucos dos tradicionais cartazes de protesto.

Grupos de Samba se concentraram no bairro que dá o nome do bloco, mantendo a tradição carnavalesca para aqueles que moram por lá, além dos visitantes que curtem bater uma boa feijoada que já dura 98 anos.

Mudança do Garcia no Carnaval por Paula Fróes/CORREIO

Inicialmente, pela história do Carnaval de, a Mudança do Garcia tinha a proibição da Polícia Militar, que não autorizava a circulação do cortejo no Campo Grande. Quase centenária, agora há flexibilização para circular.

No dia 9 de fevereiro, o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac) publicou uma notificação visando a patrimonialização da Mudança do Garcia. Uma conquista para os moradores e protestantes.

O Correio Folia tem apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador