SHOWS

Diogo Nogueira, Tulipa Ruiz, Nany People e Filipe Ret: confira Agenda Cultural de Salvador

Fim de semana promete opção para todos os perfis de público

  • Foto do(a) author(a) Alô Alô Bahia
  • Alô Alô Bahia

Publicado em 3 de maio de 2024 às 13:24

Diogo Nogueira, Tulipa Ruiz, Nany People e Filipe Ret
Diogo Nogueira, Tulipa Ruiz, Nany People e Filipe Ret Crédito: Divulgação

O fim de semana promete opção para todos os perfis de público, de quem não dispensa um samba, um forró, uma MPB e até um trap. Quem estará por Salvador é Diogo Nogueira, Tulipa Ruiz e Filipe Ret, que comanda apresentações em diferentes locais da cidade. Não faltam opções em clima junino e sugestões para toda a família, em todo tipo de palco. Confira um resumo e se programe para viver a cidade.

Sexta-feira, 3 de maio:

Uma nova edição do Rumpilezz Funfun no Passo vai movimentar o Centro Histórico de Salvador, a partir das 19h, na Escadaria do Passo. Passados dois anos do falecimento do maestro Letieres Leite, o projeto marca o retorno da Orkestra Rumpilezz aos palcos e às atividades calendarizadas onde tudo começou: na região central de Salvador. A entrada é gratuita. Na primeira sexta-feira de maio, a orquestra apresenta seu amplo repertório autoral, apresentando principalmente músicas dos álbuns “Letieres Leite & Orkestra Rumpilezz” (2009) e “A Saga da Travessia” (2016).

A cantora Belô Velloso embala o público da capital baiana, às 20h, com o show “Belô Odara”, um tributo a seu tio Caetano Veloso. A apresentação acontece no Teatro SESC Casa do Comércio e traz grandes clássicos como “Sampa”, “Você é Linda”, “Cajuína” e “Odara” com novos arranjos que, segundo a artista, transitam pelo afrobeat, reggae e “sofrência”, trazendo um pouco do sotaque do seu trabalho para as canções do poeta do tropicalismo. Os ingressos estão à venda no Sympla.

A Orquestra Sinfônica da Bahia estreia, às 20h, nova temporada da série “Viagens Sinfônicas”, na Casa Salvatore, no bairro do Cabula. O concerto terá a regência do maestro Carlos Prazeres e contará com a participação da soprano fluminense Tatiana Carlos como solista da noite. A série proporciona uma imersão sensorial e didática nos elementos musicais das obras apresentadas, destacando composições relevantes da música de concerto. Na primeira edição do ano, será apresentada a 4ª Sinfonia do compositor tcheco-austríaco Gustav Mahler (1860-1911), composta entre os anos de 1899 e 1900 e é considerada um prelúdio à música do século XX. Os ingressos estão à venda no Sympla.

Pra turma do rap e do trap, o Festival Hit reúne grandes artistas, a partir das 16h, no Wet Salvador. Filipe Ret, Matuê e Cabelinho se unem a Veigh, Kayblack,Chefin, Vulgo FK, Wiu, MC IG e DelaCruz na super grade. Os ingressos estão à venda no Sympla e na Bilheteria Digital.

De sexta (às 19h) a domingo (às 17h, também no sábado), o espetáculo “Das ‘coisa’ dessa vida…” é encenado no Teatro Gamboa, encabeçado por um trio baiano: direção de João Miguel, texto de Gildon Oliveira e performance de Ricardo Fagundes. A peça é um relato sobre Nalde, pessoa LGBTQIAPN+, do interior nordestino, que divide com o público suas memórias e as dores sobre ser quem é. Os ingressos estão à venda no Sympla.

Até o domingo acontece o Festival de Capoeira Ancestralidade e Resistência, no Parque Costa Azul. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas através do site www.capoeiraemmovimento.com.br, onde está a programação completa do festival. Com o tema “Gingando pelo Mundo”, o evento vai contar a história da Capoeira desde as suas raízes até se tornar Patrimônio Imaterial da Humanidade, com oficinas, concurso de música autoral, feira gastronômica, shows, apresentações culturais e claro, Rodas de Capoeira. Na sexta-feira (3), no Espaço Mestre Moa do Katendê, das 19h15 às 22h, tem show de Juliana Ribeiro com participação de Roberto Mendes e de Mestre Kiabo e os Dez Mais do Samba.

Sábado, 4 de maio:

Com uma carreira marcada por sucessos e um carisma que cativa multidões, o cantor e compositor Diogo Nogueira traz seu mais novo show ao palco da Concha Acústica do Teatro Castro Alves, às 19h. A apresentação celebra a riqueza do samba e a alegria do povo brasileiro. Além de novas leituras para os sucessos de sua carreira, como “Pé na Areia”, “Alma Boêmia”, “Clareou” e “Sou Eu”, Diogo traz o samba de roda da Bahia, incluindo sucessos do cancioneiro popular brasileiro, através de nomes como Arlindo Cruz e seu pai, o lendário João Nogueira, passando por Chico Buarque, Beth Carvalho, Xande de Pilares, Tim Maia e Gilberto Gil. Os ingressos estão à venda no Sympla.

Reconhecida como uma das maiores vozes da música brasileira contemporânea, a cantora e compositora Tulipa Ruiz traz para Salvador o show da turnê que celebra o lançamento do seu quinto álbum de estúdio, intitulado “Habilidades Extraordinárias”. A apresentação acontece às 20h, no Teatro SESC Casa do Comércio. No álbum, gravado ao vivo e de maneira analógica, a artista aborda e elabora as complexidades do mundo contemporâneo, como as violências que permeiam a sociedade, especialmente as mulheres, buscando cura e transformação. Acompanhada de Gustavo Ruiz nas guitarras, Gabriel “Bubu” Mayall no baixo e Samuel “Samuca” Fraga na bateria, Tulipa promete uma noite de sucessos e novidades. Os ingressos estão à venda no Sympla.

O Teatro Jorge Amado recebe, no sábado (16h) e no domingo (11h e 16h), o espetáculo “Uma Aventura Jurássica”, que conta a história de dois irmão que adormecem na floresta e acordam em meio a dinossauros famintos. Reunindo protótipos de última geração, o espetáculo apresenta de forma caprichosa réplicas de diversos répteis pré-históricos animados por técnicas de manipulação. Os ingressos estão à venda no Sympla.

O Arraiá do Horto anima o Estacionamento do Almacen Pepe, no Horto Florestal, a partir das 15h, reunindo Tico, U Tal do Xote e Tk, em clima antecipado de São João. Os ingressos estão à venda no Sympla e quem doar 1kg de alimento não perecível paga a meia-entrada solidária.

Domingo, 5 de maio:

Após o sucesso em mais de 150 palcos pelo Brasil, a turnê “Ana Cañas Canta Belchior” retorna a Salvador para a última apresentação. No espetáculo premiado, a artista sobe ao palco do Largo Quincas Berro D’Água, no Pelourinho, para apresentar o melhor do compositor cearense. Além de clássicos como “Como Nossos Pais”, “Sujeito de Sorte” e “Velha Roupa Colorida”, Ana Cañas apresenta ao público uma canção até agora inédita de Belchior, que foi dada de presente a ela pelos filhos do compositor. O show começa às 17h e os ingressos estão à venda no Sympla.

Nany People estreia seu novo espetáculo “Como Salvar Um Casamento”, em Salvador, em apresentação única, no Teatro Sesc Casa do Comércio, às 20h. A peça original fez grande sucesso e rodou o país há 15 anos. Agora, repaginada, tornou-se um monólogo, em que Nany também aborda novas nuances sobre o amor, como os relacionamentos em todas as suas formas e o protagonismo das mulheres. Os ingressos estão à venda no Sympla.