FUTEBOL

Botafogo reintegra Óscar Romero e Diego Hernández após  afastamento por indisciplina

Jogadores estavam treinando em separado e vão retornar às atividades junto ao elenco principal

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 23 de maio de 2024 às 20:29

Óscar Romero e Diego Hernández, do Botafogo
Óscar Romero e Diego Hernández, do Botafogo Crédito: Vítor Silva/Botafogo

Chegou ao fim nesta quinta-feira (23) a punição do Botafogo ao meia paraguaio Óscar Romero e o atacante uruguaio Diego Hernánez, que estavam treinando em separado dos companheiros do time profissional após cometerem ato de indisciplina em Fortaleza, no dia 12 de maio.

Após serem afastados da viagem para Lima, no Peru, onde o time enfrentou o Universitário pela Copa Libertadores e garantiu a vaga antecipada às oitavas de final, os jogadores ainda desfalcaram o time em Salvador, nesta quarta, no jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil.

"O Botafogo informa que os atletas Diego Hernández e Óscar Romero retornarão às atividades junto ao elenco principal alvinegro, a partir desta sexta-feira (26), no CT Lonier", oficializou o clube.

Depois do castigo, a dupla ficará à disposição para o encerramento da fase de grupos da Libertadores, terça-feira, na casa do Junior Barranquilla, na decisão da liderança da Chave D. Ambos somam nove pontos, mas os colombianos levam a melhor nos critérios de desempate e os cariocas necessitam ganhar.

O jogo tem gosto de vingança ao time brasileiro. Na estreia dos grupos, no Engenhão, o Botafogo fez enorme festa por seu retorno à Libertadores e acabou surpreendido, perdendo por 3 a 1. A vitória significa, ainda, poder decidir o duelo de volta das oitavas de final como mandante e escapar de equipes teoricamente mais fortes.