BRASILEIRÃO

É hoje: no Beira Rio, Bahia encara o Internacional em estreia na Série A

Esquadrão entra em campo às 18h30, em Porto Alegre

  • Foto do(a) author(a) Gabriel Rodrigues
  • Gabriel Rodrigues

Publicado em 13 de abril de 2024 às 05:00

Biel treino Bahia
Contra o Inter, tricolor inicia caminhada no Campeonato Brasileiro Crédito: Letícia Martins/EC Bahia

A largada no Campeonato Brasileiro será dada para o Bahia. Neste sábado, o Esquadrão estreia na Série A contra o Internacional, no estádio Beira-Rio, às 18h30. Fora de casa, a missão do tricolor é a de fazer um bom jogo para faturar os primeiros três pontos na competição.

O triunfo sobre o Náutico por 3x0 e a consequente classificação à semifinal da Copa do Nordeste reduziram a pressão após a perda do título estadual, mas o Bahia inicia o Brasileirão sob certa desconfiança depois de ter passado dificuldade contra times participantes das Séries A e B.

“Infelizmente, não conseguimos entregar o título que a gente queria, mas temos outra oportunidade na Copa do Nordeste, e começar um Brasileiro de forma que não chegue ao final do ano como foi, dependendo de uma última rodada, que a gente consiga posições melhores”, afirmou Ceni.

A Série A do Brasileirão, aliás, é considerada como prioridade dentro do Bahia. No segundo ano sob a gestão do Grupo City, o Esquadrão quer apagar a imagem deixada na última temporada, quando se livrou do rebaixamento apenas na última rodada, e se consolidar entre as 10 melhores equipes da competição.

Apesar do clube não deixar explicitamente claro quais as metas mínimas em cada torneio, internamente, a ideia é a de fazer uma campanha sem sustos e garantir uma vaga em campeonatos como a Sul-Americana ou a Libertadores.

Para a estreia, Rogério Ceni ganhou o retorno do atacante Everaldo, recuperado de lesão. O meia Carlos de Pena, último reforço anunciado pelo tricolor, foi regularizado e também está à disposição do treinador. Se for escolhido, o uruguaio estreará diante do ex-time. Ele defendeu o Inter entre 2022 e 2024, e deixou o Colorado para acertar com o Esquadrão.

A tendência é a de que Rogério coloque em campo uma equipe bem parecida com a que disputou a final do Baiano contra o Vitória, com força máxima no meio-campo. A dúvida fica por conta da lateral esquerda. Sem um jogador de origem, Rezende e Luciano Juba disputam a posição, enquanto Cicinho corre por fora. Juba também pode ser opção para o ataque - nesse caso, concorre com Biel e Ademir.

COLORADO

Assim como o Bahia, o Internacional tem na estreia no Brasileirão a chance de aliviar a pressão. O Colorado ficou fora das finais do Campeonato Gaúcho e vem de empates sem gols nos dois primeiros jogos na Sul-Americana.

O técnico Eduardo Coudet vem sendo questionado e parte da torcida pede a demissão do argentino. O Inter, aliás, fez contratações de peso e tem como principais novidades os atacantes Alario e Borré. A dupla, no entanto, ainda não engrenou.

Destaque na última temporada, o centroavante Enner Valencia, machucado, está fora da partida. A situação é a mesma do meia Alan Patrick. Já o volante Aránguiz volta a ficar à disposição após realizar um procedimento ocular.