Capixaba

  • Item 1
  • Item 2
  • Item 3
  • Item 4
Capixaba
Polícia

CORREIO recebe estudantes para gravação de aulas transmitidas na TV

Iniciativa que começou na pandemia ganha nova roupagem em 2024

Publicado em 20/11/2023 às 21:39:24
Aulas serão gravadas em novos cenários com a participação de estudantes
Aulas serão gravadas em novos cenários com a participação de estudantes. Crédito: Marina Silva/ CORREIO

As aulas exibidas na TV aberta, a partir da pandemia de covid-19, para compensar o conteúdo perdido pelos estudantes da rede municipal durante o isolamento, seguem complementando o aprendizado das crianças e, em 2024, estarão de cara nova. Além do formato de estúdio, com professores transmitindo o conteúdo sozinhos na tela, as aulas ganharão novos cenários e participantes.

O conteúdo do próximo ano incluirá aulas gravadas em praças públicas, indústrias, cozinhas e redação de jornal, com a participação extra de estudantes. Nesta segunda-feira (20), foi a vez da redação do CORREIO receber os alunos da Escola Municipal Hercília Moreira, localizada no bairro do Rio vermelho, para uma das aulas em campo que serão exibidas nos canais de TV 4.2, 4.3 e 7.2, além do YouTube da Secretaria Municipal de Educação (Smed).

A data ainda não foi divulgada, mas segundo o estudante Otávio Gabriel Palma, 12 anos, que participou da visita técnica, o conteúdo promete ser inspirador.

“Antes de virmos para o CORREIO, meu diretor nos disse que temos um dom que a gente ainda não sabe. Hoje eu descobri que eu tenho o dom de falar. Não sei se serei jornalista, mas quero ser uma pessoa que não tem vergonha de falar, mais comunicativa, informativa, e o jornal têm as minhas características”, avaliou Otávio.

Os estudantes tiveram uma aula sobre a rotina na redação do CORREIO com a editora-chefe do jornal, Linda Bezerra. Além disso, os profissionais envolvidos nessa dinâmica de produção contaram sobre suas rotinas. Participaram: a fotojornalista Marina Silva, a repórter Emilly Oliveira, o editor de economia, política e colunista Donaldson Gomes, e Milton Cerqueira, responsável pelo arquivo do jornal e funcionário da empresa há 39 anos.

A aula na redação recebeu o nome de “Lendo notícias”. Com a nova roupagem, o projeto da Prefeitura de Salvador, TV Nossa Rede, garante a aprendizagem em pelo menos três níveis. A formação multidisciplinar dos estudantes em campo, ampliação da formação didática de professores e reforço na aprendizagem dos estudantes que acompanham os conteúdos de casa.

Antes da aula em campo, os alunos participaram de aulas teóricas sobre jornalismo, ministradas por uma das professoras da TV Nossa Rede, Michele dos Reis, que atua nas séries iniciais. De acordo com ela, o objetivo de manter o conteúdo para estudantes do ensino fundamental é agregar ao ensino construído em sala de aula.

“A proposta do conteúdo é ser um material extra para o aluno e auxílio para o professor, para que o estudante tenha um imaginário diferente daquele construído em sala de aula. Esse conteúdo na TV nos abre um leque, porque todos os alunos da rede não caberiam aqui, mas trazendo essa parcela de estudantes, os outros poderão vivenciar um pouco da mesma experiência pela TV”, destacou Michele.

A proposta de integrar os estudantes às aulas que serão transmitidas na TV também é bem avaliada pelo diretor da Escola Hercília Moreira, Clairton Quintela. “Para nossa escola, o importante é formar competências nos alunos, então, em uma gravação como essa, os alunos aprendem sobre a profissão e a simulação do que é uma gravação, aprendendo a se expressar em situações fora da sala de aula. Os aprendizados são muitos só em uma gravação como essa. Ao se verem na televisão, eles se perceberão úteis por estarem colaborando para a formação de outros estudantes”, ressaltou Clairton.

Emilly Oliveira, com orientação da chefe de reportagem Perla Ribeiro

28°C
Salvador, BA - Brasil