LEITURA

Salvador Shopping recebe Festival de Literatura no próximo domingo (21)

Evento gratuito acontece em parceria com a Bienal do Livro Bahia

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 19 de abril de 2024 às 22:23

Salvador Shopping
Salvador Shopping Crédito: Divulgação

Roda de conversa, oficina de desenho, contação de histórias, poesia e sarau são algumas das atividades da programação da primeira edição do Festival de Literatura do Salvador, que acontece neste domingo (21) no Salvador Shopping. O evento acontecerá na Estação Café, na Praça Central, das 14h às 20h. 

O objetivo do Festival, que tem idealização e curadoria da jornalista Carmen Peixoto, é incentivar o hábito da leitura, com foco na literatura negra, e servir como um prólogo para a Bienal do Livro Bahia, considerada um dos maiores eventos literários do Brasil. O evento terá acesso gratuito e acontece em parceria com a Bienal do Livro Bahia 2024, cuja abertura se dá em 26 de abril, no Centro de Convenções Salvador. Por isso, o tema do Festival de Literatura do Salvador será o mesmo da edição deste ano da Bienal: “As Histórias que a Bahia conta”.

Também por conta dessa parceria, o Salvador Shopping disponibilizou um ponto de vendas de ingressos da Bienal, no piso G1. A programação do Festival contará, inclusive, com algumas das atrações que estarão presentes na própria Bienal, como Deko Lipe, Lorena Ribeiro, Anderson Shon e Ricardo Ishmael. Após essa primeira edição, a ideia é que outras edições da ação continuem acontecendo nos próximos anos, o que manterá o estímulo do contato do público com os livros.

No domingo, a partir das 15h, será realizada uma roda de conversa com o escritor, ator e criador de conteúdo, Deko Lipe (@primeiraorelha) e o autor, poeta e educador, Anderson Shon (@andersonshon), com a mediação de Gabrielle Carvalho, jovem do Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social. Os jovens Kalypsa Brito (@kalypsabrito) e Bruno Costa (@br_desenho) vão realizar, respectivamente, contação de histórias do livro ‘Kaiode e a árvore das memórias' (15h) e oficina de desenho (16h).

O público vai ter acesso, ainda, uma roda de conversa com o apresentador de TV e escritor Ricardo Ishmael (@ricardoishmael), o ator e o afrochefe Jorge Washinton (@jorgewashintonr) e a atriz e diretora teatral Cássia Valle (@cassiavallereal).

O mestre em História da África, da Diáspora e dos Povos Indígenas, pedagogo e idealizador do termo literário Afrofantástica, Marcos Cajé, premiado pela ‘El Nevado Solidário de Oro’, uma premiação Argentina, criada por Rulo Ortubia (2021), vai contar um pouco da sua trajetória profissional, inclusive, citando as suas obras infantojuvenis. A programação acontece por volta das 17h, ele estará acompanhado do roteirista, escritor, autor e diretor artístico Elisio Lopes Jr (@elisiolopesjr), e de Lorena Ribeiro (@passosentrelinhas), historiadora, professora e colunista.

No mesmo horário, será realizada uma oficina imersiva de produção de bonecas Abayomi com a profissional Caroline Lima (@odeteabayomi). Mais tarde, às 18h, será realizado um recital de poesia com a jovem Carla Silva. s visitantes conferem a apresentação cultural “Diálogos sobre Oratura: a tradição oral é honrada de geração em geração”, com Vó Cici e Mário Omar (@mariosankofa), que vão abordar a importância dos contos e explicar a narração contemporânea atualmente. A programação encerra com chave de ouro às 19h, com a apresentação do Sarau de Dandê Azevedo (@dande.azevedo), musicista, poeta e cantor lírico que possui na sua trajetória a ancestralidade, a resistência e a força através da música. Toda programação é gratuita e aberta ao público.

“Estamos muito contentes em realizar pela primeira vez esse evento, que tem o propósito de disseminar a importância da literatura, o desenvolvimento das artes e da cultura baiana através da participação de escritores locais e abrindo as portas para os novos talentos, além de ser uma grande prévia da Bienal do Livro Bahia. Queremos tornar o Festival fixo no nosso calendário”, acrescenta Marianna Muniz, gerente de Marketing do Salvador Shopping.

Tatiana Zaccaro, diretora da GL Events Exhibitions, empresa responsável pela organização da Bienal do Livro Bahia, reforça que a Bienal sempre busca ir além do espaço e do tempo delimitados para a ocorrência do evento, potencializando ainda mais o propósito da Bienal. “Sempre buscamos extrapolar os pavilhões e os dias nos quais a Bienal acontece, realizando e apoiando ações literárias em outros lugares e datas. Nesse sentido, estamos muito felizes com a parceria com o Salvador Shopping, já que o fundamental é unir forças para incentivar, cada vez mais, o hábito da leitura”, afirma.