Cinco obras estão previstas para a região da Baixa dos Sapateiros

salvador
05.09.2018, 05:20:00
Atualizado: 05.09.2018, 11:40:04
Área da Baixa dos Sapateiros atingida por incêndio (Almiro Lopes/CORREIO)

Cinco obras estão previstas para a região da Baixa dos Sapateiros

Três casarões da Avenida J.J. Seabra foram destruídos em incêndio

A presidente da Fundação Mário Leal Ferreira (FML), Tânia Scofield, informou que a prefeitura possui quatro projetos para a área da Baixa dos Sapateiros e seu entorno. Três casarões, onde funcionavam cinco lojas, foram destruídos por um incêndio na segunda-feira (3).

O primeiro projeto se estende do Aquidabã ao Largo Dois Leões e prevê a urbanização completa daquela área até a Barroquinha, macro e microdrenagem, ciclovia, melhoria dos pontos de ônibus e está orçada em R$ 23 milhões. “O projeto já foi encaminhado para a Sucop (Superintendência de Obras Públicas do Salvador ) licitar a obra”, informou Scofield.

Ainda segundo ela, outro projeto que está encaminhado é o de revitalização do Mercado de São Miguel, que está em fase de finalização e vai ser enviado para a Sucop, para ser licitado. “O mercado foi degradado ao longo dos anos, está quase todo sem cobertura. Atualmente só funcionam quatro boxes. No projeto vamos deixar uma área verde maior, para dar uma arejada ali, já que as construções são no limite do passeio”, explica, acrescentando que a obra está estimada em R$ 5,5 milhões.

Estão previstas ainda a revitalização do Terminal da Barroquinha e revitalização da área e a do Terminal de Aquidabã, que deve ser extinto. “Ele deve deixar de ter o caráter de terminal. Mas todos os projetos estão sendo amplamente discutidos com as associações de moradores e comerciantes das áreas”.

Refletores ajudam os bombeiros nas buscas por vítima após incêndio (Foto: Almiro Lopes/ CORREIO)

O governo também investiu em um projeto de revitalização. A primeira parte foi concluída no segundo semestre do ano passado e, segundo a Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), incluiu a recuperação de vias, passeios e praças, contemplando ainda o quartel do Corpo de Bombeiros, a Praça dos Veteranos e a Ladeira do Pax. Orçada em R$ 15,5 milhões, a obra teve início no Aquidabã, passando pela Avenida J.J. Seabra e seguindo até o Largo da Barroquinha.

Atualmente, as empresas de telefonia realizam o rebaixamento da fiação aérea para a vala técnica. Foram instaladas 147 novas luminárias em LED e 22 novos pontos de iluminação.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/apos-demissao-bolsonaro-grava-video-e-faz-elogios-a-bebianno-assista/
Bebianno é o protagonista da maior crise nos primeiros meses do novo governo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/integrante-do-bbb19-vira-piada-no-fantastico/
Veja vídeo apresentado na edição deste domingo (17) do programa
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/lutador-rayron-gracie-filho-de-mulher-espancada-se-declara-a-mae/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/mulher-e-agredida-durante-quatro-horas-em-primeiro-encontro/
Vinícius Serra foi preso em flagrante por tentativa de feminicídio
Ler Mais
Harley, a Cacatua brinca com sua dona, faz bastante barulho e adora derrubar coisas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/contra-as-musicas-com-baixaria-pede-rei-momo-do-carnaval-2019/
Renildo também fez alertas contra o trabalho infantil
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/persistencia-apos-oito-derrotas-secretaria-executiva-vira-deusa-do-ile-aiye/