Jornalista deixa Globo após 16 anos para ser analista do Botafogo

esportes
13.01.2022, 15:27:00
Raphael Rezende é o novo head scout do Botafogo (Reprodução)

Jornalista deixa Globo após 16 anos para ser analista do Botafogo

Raphael Rezende será head scout do clube carioca

Após quase 16 anos, o comentarista Raphael Rezende deixou o grupo Globo. O jornalista foi contratado para ser novo head scout do Botafogo. Ele será o responsável pela análise de jogadores no mercado, e já assume o cargo de forma imediata.

O clube fez o anúncio nas redes sociais na última quarta-feira (12). Assim, se antes comentava sobre a atuação de algum jogador em transmissões ou programas no SporTV, agora, Raphael passa a recomendar aos superiores a contratação desse atleta. Ele participou de um processo seletivo realizado pelo Glorioso, que contou com outros nomes, e foi o escolhido para a vaga.

Raphael Rezende começou como estagiário do SporTV em fevereiro de 2006. Um ano depois, foi contratado, e estreou na função de comentarista em 2009. Ele também tem a Licença B da CBF, que permite ser técnico das divisões de base, e fez curso de Gestão de Futebol.

"Acredito que, por estar preparado para esta função, acredito em um profissional que seja capaz de atender a demanda do departamento de futebol. Não só da comissão técnica, enfim, um anseio de uma diretoria, um anseio de um clube como um todo. E aí passa muito por identificar no mercado oportunidades de negócio que façam sentido para o clube, esportivamente e financeiramente. Esse é o Raphael Rezende atrelado à função de 'head scout', acho que essa função passa por isso", disse ele, em entrevista à BotafogoTV.

Além de Raphael, Brunno Noce também foi contratado para o departamento de futebol, para a vaga de analista de mercado.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas