Produtor de João Gilberto é condenado a pagar mais de R$ 500 mil por cancelamento de show

Guia
30.05.2017, 15:44:00

Produtor de João Gilberto é condenado a pagar mais de R$ 500 mil por cancelamento de show

A sentença foi dada na última segunda-feira (29), pela justiça do Estado do Rio de Janeiro

A justiça do Estado do Rio de Janeiro, condenou o produtor do cantor João Gilberto, Maurício Pessoa, , a devolver R$ 573,9 mil aos cofres públicos. A sentença, dada pela juíza Luciana Losada, teve como base a ação movida pela Procuradoria Geral do Estado do Rio, referente ao cancelamento de um show de João Gilberto em dezembro de 2011, que aconteceria no Theatro Municipal do Rio.

(Foto: Angeluci Figueredo/Arquivo CORREIO)

O produtor assinou contrato com o teatro em agosto daquele ano, para a realização do show do cantor em novembro. De acordo com o contrado, Maurício deveria pagar R$ 115 mil em três parcelas, pelo uso do Theatro Municial. Após o pagamento da primeira parcela, no entando, o produtor pediu e recebeu R$ 209,9 mil, como adiantamento da bilheteria. Antes de pagar as outras duas prestações devidas, ele adiou o show para novembro e depois o cancelou em definitivo. 

Para o procurador do estado, João Marcelo Gaio Souza, a sentença foi um passo importante na busca pelo ressarcimento dos prejuízos causados à Fundação Theatro Municipal. "Não é o Estado que ganha, mas todos os cidadãos, que foram lesados com o ocorrido”, afirmou Souza.

A equipe do CORREIO tentou entrar em contato com o produtor Maurício Pessoa, porém não obteve retorno.


***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas