Seis universidades públicas baianas firmam acordo que permite mobilidade acadêmica

bahia
03.08.2021, 11:37:00
Atualizado: 03.08.2021, 12:03:43
(Arquivo CORREIO)

Seis universidades públicas baianas firmam acordo que permite mobilidade acadêmica

Convênio vai permitir intercâmbio entre estudantes da Ufba, UFRB, Ufob, UFSB, Uneb e Uefs

Seis universidades públicas baianas – quatro federais e duas estaduais – firmaram um Termo de Cooperação que permitirá a mobilidade acadêmica de estudantes de graduação e pós-graduação. São elas a Universidade Federal da Bahia (Ufba), a Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufob), a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) e a Universidade do Estado da Bahia (Uneb).

O acordo de cooperação técnica tem por finalidade proporcionar aos estudantes a continuidade dos estudos em instituição de ensino diferente daquela em que estão regularmente matriculados e, também, instituir uma rede que viabilize a mobilidade estudantil em componentes curriculares e atividades não presenciais. 

Os alunos farão os componentes nas outras universidades ao mesmo tempo em que manterão o vínculo com a Ufba, e estudando na Ufba também. O termo considera a suspensão ou mudança dos calendários acadêmicos na modalidade presencial em todas as universidades públicas e institutos federais na Bahia e ressalta ainda a determinação de medidas necessárias para enfrentamento de emergência em saúde pública provocada pela pandemia de covid-19.

Nesse contexto, a Uefs já divulgou uma convocatória para os estudantes de outras instituições se inscreverem em componentes naquela universidade, que depois poderão ser aproveitados para a integralização curricular dos cursos dos alunos na Ufba, desde que com aprovação do colegiado do curso do aluno na Ufba. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas