Série da Netflix conta história do traficante mexicano El Chapo

variedades
15.06.2017, 07:00:00

Série da Netflix conta história do traficante mexicano El Chapo

A produção, que estreia nesta sexta(16), mostra a ascensão e queda de um dos mais procurados criminosos do mundo
O ator mexicano Marco de la O protagoniza a série (Foto:Divulgação)

Depois de Pablo Escobar, a Netflix vai contar a trajetória do traficante mexicano Joaquin “El Chapo” Guzman. Nesta sexta (16/06) estreia na plataforma a série El Chapo, coprodução entre o serviço de streaming e o canal americano Univision,  protagonizada pelo ator mexicano Marco de la O, de 38 anos, que se parece muito com o poderoso traficante, extraditado para os Estados Unidos em janeiro.

A série conta a história do criminoso, que chefiou o poderoso cartel de Sinaloa e chegou a figurar na lista dos bilionários da Forbes. Conhecido como barão do narcotráfico, ele era um dos homens mais procurados do mundo, acusado por crimes como homicídio e tráfico de em cocaína, maconha e metanfetaminas.

 Dividida e três partes, a série começa em 1985, quando El Chapo era um membro raso do Cartel de Guadalajara, e mostra sua ascensão ao poder  e queda. Criada por Silvana Aguirre Zegarra e produzida por Daniel Posada, a primeira temporada é dirigida por José Manuel Cravioto e Ernesto Contreras. 

 O burburinho em torno da série começou bem antes de sua estreia. Advogados de El Chapo apresentaram uma série de recursos para impedir que o nome do traficante fosse utilizado sem sua autorização. Mas o fato é que o traficante tinha cedido o direto, antes de ser preso, à atriz mexicana Kate del Castillo, por quem era apaixonado. Foi ela, inclusive, a responsável pelo encontro entre El Chapo e o ator Sean Pen, que estaria interessado em produzir um filme sobre El Chapo. Por questões de segurança, as gravações aconteceram na Colômbia e não no México. As filmagens da série permaneceram em  segredo até agora. Para as as pessoas que viviam próximo às locações, foi dito que se tratava da produção da novela Dolores de Amor.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas