Teste de segurança reprova veículo mais vendido no Brasil

só se vê no correio
11.12.2021, 06:00:00
O Fiat Argo e sua variante sedã, o Cronos, com somente dois airbags foram reprovados em um teste de segurança (Fotos: Latin NCap)

Teste de segurança reprova veículo mais vendido no Brasil

Você dá importância para as avaliações de segurança?

Além do design, eficiência do motor e equipamentos de conforto, como direção com assistência, ar-condicionado e uma boa central multimídia, o que é importante para você em um carro zero-quilômetro?

Já conversei aqui com vocês que a escolha de um carro novo é complexa, e que o ideal é deixar o emocional um pouco de lado e partir para a racionalidade em algumas situações. Desta vez, quero ressaltar algumas coisas que estão além do visual, como a segurança. Recentemente o Latin NCap, um orgão independente de auditoria de segurança, revelou a nota dos testes de três veículos: Volkswagen Taos e dois modelos da Fiat, Argo e Cronos.

Enquanto o SUV da Volks, que custa a partir de R$ 168.490 e conta com seis airbags, ganhou a nota máxima (cinco estrelas) em relação à segurança, o hatchback e o sedã da Fiat ganhou nota zero. De acordo com o Latin Ncap, Argo e Cronos com apenas dois airbags atingiram 24,37% em proteção de ocupantes adultos, 9,91% em proteção de ocupantes crianças, 36,91% em proteção de pedestres e usuários vulneráveis das estradas e 6,98% em sistemas de assistência à segurança.

Seguindo a explicação para o baixo rendimento do Argo e do Cronos, respectivamente produzidos no Brasil e na Argentina, o Latin Ncap, destaca que a proteção de pedestres apresentou o pior desempenho desde que o Latin NCAP começou a avaliar a proteção de pedestres em 2020; o veículo tem proteção passiva pobre e não oferece AEB Pedestres para compensar, mitigar ou eventualmente prevenir o contato com pedestres

Produzido na Argentina, o Cronos recebeu nota zero em segurança
Produzido na Argentina, o Cronos recebeu nota zero em segurança
O Duster, SUV da Renault, também foi reprovado na avaliação
O Duster, SUV da Renault, também foi reprovado na avaliação
O Peugeot 208 com quatro airbags ganhou duas estrelas de cinco possíveis
O Peugeot 208 com quatro airbags ganhou duas estrelas de cinco possíveis
O Toyota Yaris ganhou apenas uma estrela
O Toyota Yaris ganhou apenas uma estrela
O Volkswagen Taos recebeu a nota máxima em segurança
O Volkswagen Taos recebeu a nota máxima em segurança

O Argo é o carro de passeio mais vendido no mercado brasileiro esse ano. Já o Cronos é o quarto sedã mais vendido do país em 2021.

Outro carro que não foi bem nos testes foi o Renault Duster, que também teve nota zero. Uma das observações foi em relação ao vazamento de combustível após o teste de impacto frontal.

Já o Peugeot 208, com quatro airbags, ganhou apenas duas estrelas. Entre os comentários, destaca-se uma observação: área dos pés foi considerada instável, bem como a estrutura; não sendo capaz de suportar cargas maiores.

O Yaris, modelos mais acessível da Toyota no Brasil, ganhou apenas uma estrela na configuração com dois airbags. Na época, o fabricante japonês comentou: A segurança é sempre uma prioridade para a Toyota. Entendemos os novos critérios de avaliação do LatinNCAP e valorizamos sua contribuição para a indústria da região, o que nos ajuda a melhorar o desempenho de segurança de nossos veículos.

É claro que ninguém compra um carro pensando no acidente, mas poder contar com a máxima segurança é essencial. E não pense em dar uma desculpa para si mesmo como "só uso o carro na cidade". O trânsito urbano tem mais ocorrências do que as estradas.

Em nota, a Stellantis informa que todos os seus veículos cumprem as recomendações e normas homologatórias vigentes ligadas à segurança.

Sobre o Latin Ncap
O Programa de Avaliação de Carros Novos para a América e o Caribe (Latin Ncap) foi lançado em 2010 para desenvolver um sistema regional independente de testes de colisão de veículos e de qualificação de segurança na região. 

O Latin Ncap replica programas de testes similares aos desenvolvidos nos últimos trinta anos na América do Norte, na Europa, na Ásia e na Austrália, demonstrando ser muito eficazes no progresso da segurança dos carros. 

Desde 2010, o Latin Ncap vem publicando os resultados de mais de 135 veículos, em onze fases de teste.
 

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas