Bahia já teve dois acidentes envolvendo catamarãs e baleias em 12 anos

Outra ocorrência foi em julho de 2005

Publicado em 12 de setembro de 2017 às 12:10

- Atualizado há 10 meses

. Crédito: Divulgação

O acidente que envolveu uma baleia e um catamarã na Baía de Todos os Santos nesta segunda-feira (11) não foi o primeiro do gênero registrado no estado. Contando com o que aconteceu ontem esse foi a segundo ocorrência nos últimos 12 anos. Em 31 de julho de 2005, um catamarã que também fazia a linha Morro de São Paulo-Salvador colidiu em uma baleia, segundo relatou ao CORREIO Milton Marcondes, coordenador de Pesquisa do Instituto Baleia Jubarte.  

Marcondes explica que, na ocasião, o catamarã zarpou às 11h40 com aproximadamente 50 passageiros à bordo. "Segundo relato de um passageiro, as ondas estavam fortes e altas e o barco navegava a cerca de 50 km/hora. Cerca de 50 minutos após o início da viagem, nas proximidades da Ilha de Itaparica, houve um forte impacto, que jogou algumas pessoas para frente. Ao olhar para a popa, na esteira do barco foi avistada uma baleia com uma grande mancha de sangue sobre uma área esbranquiçada (possivelmente a camada de gordura)", explica. 

O coordenador de Pesquisa do Instituto Baleia Jubarte relembrou ainda que o catamarã continuou navegando e a baleia não foi mais observada. "Pouco depois foi constatado que houve avaria no motor e no casco direito, fazendo o barco adernar. Os passageiros foram orientados a colocar colete salva-vidas e a ficar no lado esquerdo da embarcação. Foi chamado um outro barco para socorrer os passageiros e a Marinha do Brasil investigou o acidente. O autor do relato informou ter sofrido um pequeno corte na canela em função de ter batido a perna num degrau do barco no momento da colisão", destaca.