PRESO PREVENTIVAMENTE

Homem que fingia ser massagista é preso por importunação sexual em SP

Suspeito informava que abriria uma clínica de fisioterapia e massagem e perguntava se as vítimas sentiam dores

  • Foto do(a) author(a) Rede Nordeste, O Povo
  • Rede Nordeste, O Povo

Publicado em 5 de fevereiro de 2024 às 11:18

Falso massagista foi preso preventivamente
Falso massagista foi preso preventivamente Crédito: Reprodução

Um homem de 44 anos que fingia ser massagista foi preso nesta segunda-feira, 5, por importunação sexual contra mulheres no município de Peruíbe, em São Paulo. De acordo com informações do g1 Santos e Região, o homem visitava lojas e se apresentava como massagista, afirmando que abriria uma clínica.

Durante os diálogos, o suspeito perguntava se as vítimas sentiam dores em alguma região do corpo e, após as respostas das vítimas, ele tocava as partes íntimas das mulheres.

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que o homem entra em um estabelecimento no bairro Balneário Stella Maris para cometer o crime. Ainda segundo o g1, pelo menos quatro boletins de ocorrência por importunação sexual foram registrados contra o homem.

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo apontou que agentes do Setor de Investigações Gerais localizaram o suspeito, que foi encaminhado à delegacia e está à disposição da Justiça.