VINGANÇA

Autor de feminicídio é baleado por pai e irmão de vítima ao deixar prisão

O homem foi condenado em 2019

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 15 de maio de 2024 às 11:06

Indianara Aparecida de Moura
Indianara Aparecida de Moura Crédito: Reprodução/Redes Sociais

Um homem que estava em saidinha temporária do presídio foi ferido e seu padrasto foi morto em uma casa na cidade de Anchieta, em Santa Catarina. O crime teria sido uma uma vingança da família da vítima assassinada pelo preso.

Segundo o portal UOL, na última segunda-feira (13), a casa do homem que cometeu o feminicídio foi arrombada e ele foi baleado junto ao padrasto.

Ainda de acordo com o UOL, a Polícia Civil suspeita que os tiros tivessem sido disparados pelo pai e pelo irmão de Indianara Aparecida de Moura. A mulher foi morta a facadas, aos 22 anos, pelo homem baleado, em 2018. Ele foi condenado em 2019.

O homem está internado. Ele foi encaminhado a um hospital da região e não corre risco de morte, mas deve ser ouvido pela polícia, assim como outras testemunhas do caso.