Bruno Guimarães vê teste duro contra a Inglaterra: 'Não vão querer perder'

Meio-campista disse esperar uma Seleção Brasileira já com a cara do novo treinador Dorival Júnior

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 21 de março de 2024 às 13:32

Bruno Guimarães em entrevista coletiva
Bruno Guimarães em entrevista coletiva Crédito: Rafael Ribeiro/CBF

Um amistoso com cara de jogo oficial. Assim o volante Bruno Guimarães encara o primeiro desafio da seleção brasileira nesta Data Fifa diante da Inglaterra, que acontece neste sábado (3), em Wembley, em Londres.

Titular e um dos destaques do Newcastle, o meio-campo comentou sobre as conversas com os atletas locais sobre o confronto com o Brasil. "Eles não vão querer perder. Ainda mais que o jogo é Wembley, um local tradicional para eles, assim como o Maracanã é para nós. Não é sempre que se joga lá, então isso é um atrativo a mais", comentou o jogador brasileiro.

Bruno disse que o prestígio da seleção sempre esteve em alta na Inglaterra, independentemente da falta de títulos importantes. Ele prevê um grande confronto e espera uma seleção já com a cara do novo treinador Dorival Júnior.

"Já atuei em Wembley e sei que o campo é um tapete. Os ingressos estão esgotados. Isso diz muita coisa. Com relação a Dorival Júnior, estamos conhecendo o seu trabalho, assistindo muitos vídeos sobre o que ele pretende e estamos procurando buscar logo essa adaptação", comentou.

Sem querer adiantar nada sobre o time titular, Bruno disse que a seleção vem testando variações táticas. "Estamos treinando com linhas de três e de quatro. O que posso garantir é, que se eu jogar, vou atuar no meio-campo", afirmou o volante.

Destaque do Aston Villa, Douglas Luiz também esteve na coletiva e disse que a partida vai mostrar duas seleções em momentos completamente distintos. "O Brasil está em reconstrução, enquanto a Inglaterra tem um momento consolidado".

Mesmo assim, ele vê um encontro equilibrado e não aponta favoritismo. "Eles têm uma grande geração e estão muito bem. Mas confio nos nossos jogadores e no trabalho do professor Dorival", afirmou o atleta do Aston Villa.