Jogo da sobrevivência: Vitória decide futuro na Copa do Nordeste contra o Treze

Rubro-negro recebe time paraibano nesta quarta-feira (27), às 21h30, no Barradão

  • Foto do(a) author(a) Daniela Leone
  • Daniela Leone

Publicado em 27 de março de 2024 às 05:00

O futuro do Vitória na Copa do Nordeste será definido na noite desta quarta-feira (27). Às 21h30, o rubro-negro tenta sobreviver na competição diante do Treze. Não depende apenas das próprias forças, mas terá o apoio da torcida nas arquibancadas do Barradão. O sonho de comemorar o pentacampeonato será intensificado ou interrompido nesta última rodada da fase classificatória do regional.

Cria do Vitória, Lucas Arcanjo vai tentar fechar o gol rubro-negro contra o Treze
Cria do Vitória, Lucas Arcanjo vai tentar fechar o gol rubro-negro contra o Treze Crédito: VICTOR FERREIRA / ECV

É fazer valer o mando de campo, partir para cima e ampliar a invencibilidade. O Vitória não perde em sua casa há quase 10 meses. A última derrota foi em 11 de junho do ano passado, para o Criciúma, por 1x0, na Série B do Brasileiro. De lá para cá, foram 21 jogos como mandante: 17 vitórias e 4 empates.

A força do Barradão será fundamental, já que ganhar do Treze é o caminho mais fácil para ficar com a vaga. O Leão está na 5ª posição do Grupo A, com 11 pontos, um a menos que CRB, Ceará e Botafogo-PB, que somam 12, cada, e ocupam a 2ª, 3ª e 4ª colocações, respectivamente. Se vencer e um desses três times perder ou empatar, o rubro-negro estará garantido nas quartas de final.

Se ganhar e o Sport for derrotado, o time do técnico Léo Condé também se classifica, mas somente se conseguir reverter a atual superioridade que o time pernambucano tem no saldo de gols (5 a 2). O adversário de Recife lidera a chave, com 14 pontos.

Quem joga?

A partida contra o Treze será a primeira das três decisões que o Vitória vai encarar em sequência. Nos próximos dois domingos, dias 31 e 7, às 16h, o rubro-negro vai enfrentar o principal rival, o Bahia, nas finais do Campeonato Baiano. O calendário intenso de jogos importantes exige que Léo Condé estude estratégias que permitam garantir a boa performance do elenco em todos os compromissos.

Por isso, o comandante decidiu poupar seus principais jogadores. Apenas três titulares foram relacionados para a partida contra o Treze: o goleiro Lucas Arcanjo, o lateral esquerdo Patric Calmon e o meia Léo Naldi. Desfalque nas últimas rodadas, o volante Dudu está recuperado de contusão e também aparece na lista, bem como o atacante Matheus Gonçalves, que está novamente à disposição após cumprir suspensão. 

Recuperado após cirurgia no joelho, o centroavante Léo Gamalho foi convocado pelo técnico Léo Condé pela primeira vez na temporada.

O meia Daniel Júnior e o atacante Iury Castilho iniciaram a transição física após se recuperarem de contusão, mas ainda não estão à disposição.  

Uma possível escalação do Vitória contra o Treze tem: Lucas Arcanjo, Raul Cáceres, Zapata, João Victor e Lucas Esteves; Luan Santos (Dudu), Léo Naldi (Jean Mota) e Luan; Zé Hugo (Matheus Gonçalves), Luiz Adriano e Eryc Castilho.