5 filmes sobre mulheres fortes para assistir na Netflix

Veja produções que destacam jornadas femininas de luta e perseverança

  • Foto do(a) author(a) Portal Edicase
  • Portal Edicase

Publicado em 7 de março de 2024 às 20:25

Imagem Edicase Brasil
Estes filmes contam a jornada de mulheres que marcaram a história (Imagem: Yuganov Konstantin | Shutterstock) Crédito:

O cenário cinematográfico contemporâneo está repleto de histórias de mulheres inspiradoras, cujas narrativas de superação e conquistas têm cativado audiências globalmente. Esses filmes e documentários não apenas retratam suas realizações notáveis, mas também destacam suas jornadas pessoais de luta e perseverança. Mesmo diante dos desafios mais árduos, elas encontram coragem e determinação para realizar seus sonhos e alcançar seus objetivos. 

Tais narrativas não só inspiram, mas também capacitam espectadores de todas as origens a acreditar no poder da resiliência e da determinação na busca pelos seus próprios sonhos. Veja, a seguir, 5 dessas histórias retratadas em filmes e documentários na Netflix!

Imagem Edicase Brasil
“Heroína(s)” mostra a luta de três mulheres para auxiliar dependentes químicos de sua cidade (Imagem: Reprodução Digital | Netflix) Crédito:

1. Heroína(s) (2017)

O documentário “Heroína(s)” revela o cenário trágico da cidade de Huntington, em West Virginia, nos Estados Unidos. Conhecida como a capital norte-americana da overdose, o local tem uma das maiores taxas de viciados em opioides do país.

A narrativa destaca o trabalho incansável de Jan Hader, subchefe do Departamento de Bombeiros, Necia Freeman, missionária do Ministério Brown Bag, e Patricia Keller, juíza responsável pelo tribunal de dependentes químicos. Juntas, elas oferecem assistência aos dependentes de diversas maneiras, respondendo a emergências, distribuindo alimentos e contribuindo para mudar o destino dessas pessoas.

Imagem Edicase Brasil
“Roxanne Roxanne” conta a história de Roxanne Shanté, pioneira no rap feminino nos Estados Unidos (Imagem: Reprodução Digital | Netflix) Crédito:

2. Roxanne Roxanne (2018)

Dirigido por Michael Larnell e produzido por Pharrell Williams, o longa é um retrato cativante da vida de Roxanne Shanté, uma das pioneiras do rap feminino dos anos 80. Situado no cenário vibrante do Queens, em Nova York, o filme segue a jornada de Roxanne à medida que ela entra no mundo do hip-hop, destacando sua habilidade excepcional desde os 9 anos, quando já vencia concursos de rap.

Roxanne enfrentou uma série de desafios em sua vida, incluindo a pobreza, a violência doméstica e o machismo, enquanto buscava entrar no cenário da música e mostrar seu talento. Ela desafiou as normas sociais e superou obstáculos pessoais significativos para alcançar o sucesso.

Imagem Edicase Brasil
“Radioactive” mostra a história Marie Curie, uma das cientistas mais importantes da história (Imagem: Reprodução Digital | Netflix) Crédito:

3. Radioactive (2019)

O filme biográfico foi inspirado no livro “Radioactive: Marie e Pierre Curie: A tale of love and fallout”, de Lauren Redniss, e retrata a vida da eminente cientista Marie Curie. Reconhecida por suas descobertas revolucionárias sobre a radioatividade, ela recebeu dois Prêmios Nobel em áreas distintas, um em física e outro em química.

No longa, acompanhamos os primeiros anos de Marie Curie como estudante até a descoberta dos elementos radioativos polônio e rádio. Além de suas realizações científicas, a produção explora os desafios que ela enfrentou como mulher em uma academia científica predominantemente masculina e a sua genialidade, que a tornou uma das cientistas mais importantes da história.

Imagem Edicase Brasil
No filme “A Tenente de Cargill”, acompanhamos a vida de Gunjan Saxena, a primeira pilota da Força Aérea Indiana (Imagem: Reprodução Digital | Netflix) Crédito:

4. A Tenente de Cargill (2020)

O filme narra a história de Gunjan Saxena, a primeira pilota da Força Aérea Indiana, durante a Guerra de Kargil em 1999. Apesar da resistência de sua mãe e irmão, que preferiam que ela se dedicasse aos afazeres domésticos, Gunjan encontrou apoio em seu pai e persistiu em seu sonho militar. Enfrentando desafios em um ambiente predominantemente masculino, ela se tornou um marco na história.

Imagem Edicase Brasil
“Nyad” acompanha a história real de Diana Nyad, que decide fazer a travessia a nado de Cuba até à Flórida aos 60 anos (Imagem: Reprodução Digital | Netflix) Crédito:

5. Nyad (2023)

O filme retrata a história real de Diana Nyad, interpretada por Annette Bening. Aos 60 anos, ela desafia as probabilidades ao completar uma travessia de 161 km, nadando de Cuba à Flórida em 53 horas. Com o apoio de sua melhor amiga, Bonnie Stoll, interpretada por Jodie Foster, e uma equipe de 35 colaboradores dedicados, Nyad enfrenta águas infestadas por águas-vivas venenosas e tubarões. Sua jornada é um testemunho de resiliência e superação, desafiando aqueles que duvidaram de suas capacidades.