MANÉ DENDÊ

Nova avenida, casas e Ecoponto são inaugurados no Subúrbio Ferroviário

Prefeitura entregou a segunda etapa do projeto Mané Dendê nesta sexta (5)

  • Foto do(a) author(a) Gil Santos
  • Gil Santos

Publicado em 5 de abril de 2024 às 14:22

Antes, local tinha apenas vegetação e insetos
Antes, local tinha apenas vegetação e insetos Crédito: Valter Pontes / Secom PMS

Moradores de Itacaranha e do Alto da Terezinha, no Subúrbio Ferroviário, têm um novo ponto de acesso. Nesta sexta-feira (5), foi inaugurada a Avenida Novo Mané Dendê, uma pista com 900 metros de faixas duplicadas ligando a Via Tronco à Rua Arco do Triunfo. Além disso, 1,5 km de vias adjacentes receberam melhorias na pavimentação, nas calçadas e no meio-fio. A Prefeitura também requalificou 30 residências, entregou 20 sobrados e um Ecoponto.

As ações fazem parte de um programa de revitalização urbana e de saneamento que envolvem cinco bairros do Subúrbio que ficam no entorno da Bacia do Rio Mané Dendê: Itacaranha, Alto da Terezinha, Rio Sena, Ilha Amarela e Plataforma. As obras incluem pavimentação de ruas, abertura de novas vias, entrega de moradias, construção de pontos de ônibus, escolas, espaços de cultura e de lazer, esgotamento sanitário, macro e microdrenagem e abastecimento de água, além da revitalização dos mananciais.

Os 20 sobrados foram construídos para moradores que viviam em situação precária na região onde as obras foram realizadas, no bairro de Ilha Amarela. Cada unidade tem dois pavimentos, contendo sala, banheiro, cozinha e quartos. Outras 30 residências também foram revitalizadas. O prefeito Bruno Reis (União Brasil) cortou a faixa que inaugurou a nova avenida e afirmou que o investimento na segunda etapa foi de R$ 45,5 milhões.

“Nenhuma outra obra supera os investimentos que nós estamos fazendo aqui, no Subúrbio Ferroviário. O Mané Dendê é maior [em volume de investimentos] do que o BRT, maior do que a Arena Esportiva, maior do que o Hospital Maternidade e da Criança. Maior do que obras passadas, como o Centro de Convenções e o Hospital Municipal. Essa é a prova do nosso maior compromisso, que é com as pessoas que mais precisam, com os mais carentes, com as áreas mais pobres da nossa cidade”, disse.

No total, o projeto Novo Mané Dendê vai entregar 710 moradias para famílias de baixa renda, entre prédios, sobrados e casas. Em 2021, foram entregues 260 apartamentos em um empreendimento habitacional construído também em Ilha Amarela. Moradores contaram que no local onde passa a nova avenida, antes, havia apenas vegetações e insetos e comemoraram a entrega.

O titular da Secretaria de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Luiz Carlos de Souza, e o Presidente da Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb), Omar Gordilho, destacaram os investimentos e os trabalhos realizados na região. Os discursos foram em tom de despedida, porque os dois estão se desvinculando das pastas para concorrer às eleições para a Câmara Municipal, em outubro. No lugar de Luiz Carlos assume o subsecretário, Francisco Torreão, enquanto Osmar passa a presidência da Limpurb para o diretor Carlos Augusto Gomes.

Segundo o Município, além das obras já entregues, estão em andamento a construção de um terminal de ônibus, cujas obras estão 70% concluídas, de um centro cultural comunitário (30%), um mercado popular (85%) e duas escolas municipais de alto padrão (45%). O projeto Mané Dendê tem cinco etapas. A primeira foi entregue em setembro de 2022, e parte da segunda em maio de 2023. A ação desta sexta-feira faz parte das comemorações pelos 475 anos de Salvador.

Surpresa - Uma novidade da segunda etapa do Mané Dendê foi a entrega do primeiro Ecoponto do Subúrbio Ferroviário. Ele fica na Rua Cardeal Jean, no Alto da Terezinha. São quatro contêineres, uma baia coberta para resíduos recicláveis secos, duas baias descobertas para armazenamento de entulho limpo triturado, módulo de triturador, módulo administrativo e depósito para materiais e equipamentos. A proposta é que ele seja usado para o manejo correto dos resíduos domiciliares na região da bacia do Rio Mané Dendê, contribuindo para a manutenção da limpeza urbana e para a participação popular na coleta seletiva.