'A ideia era só pegar o dinheiro', diz autor de facada que matou argentino em Itapuã

salvador
21.02.2019, 15:08:00
Atualizado: 21.02.2019, 18:44:20
Novato e Chuck: polícia investiga se dupla fez outras ataques a turistas (Alberto Maraux/SSP-BA)

'A ideia era só pegar o dinheiro', diz autor de facada que matou argentino em Itapuã

Turista tinha acabado de assistir pôr do sol com família

Autor confesso das facadas que mataram o turista argentino Luiz Daniel Barizone, 65 anos, em Itapuã, Lucas Amâncio de Souza, conhecido como Chuck, 22 anos, disse que a intenção era só roubar. "Foi uma besteira, uma burrice que aconteceu. A ideia era só pegar o dinheiro", declarou ele, que tinha parte da cabeça enfaixada na apresentação desta quinta-feira (21) no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Luiz Daniel estava com a família quando foi golpeado durante assalto na terça-feira (19). 

Lucas e o comparsa, Danilo dos Santos Lima, o Novato, 18, foram presos em cumprimento de um mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça. 

Segundo a polícia, Luiz reagiu à abordagem e foi atacado por Lucas, que o golpeou mais de uma vez nas costas. “Quando dei por mim, estávamos rolando no chão e depois ele começou a sangrar. Fiquei assustado e corri para um lado oposto que ele estava”, contou Lucas.

“Somente o Departamento de Polícia Técnica (DPT) irá precisar a quantidade (de golpes)”,  emendou a delegada Milena Calmon, titular da 1ª Delegacia de Homicídios/Atlântico, uma das responsáveis pelo caso.

O acusado disse que somente soube da morte do argentino quando foi preso. “Não saía de casa pra nada. Os policiais que me contaram que ele (argentino) tinha morrido. Não era para ter acontecido isso”, declarou.

Ele disse que foi chamado para o assalto por Danilo, que afirmou o contrário. “A ideia foi nossa. A gente queria só o dinheiro”, disse Danilo. 

Dinheiro
Os criminosos roubaram da vítima R$ 100 e dois celulares. “O dinheiro eles compraram roupas e os aparelhos venderam por R$ 200 e R$ 300 para comprar droga”, declarou a delegada Milena Calmon.

A polícia investiga a possibilidade de a dupla estar envolvida em outros crimes relacionados à turistas. “Estamos concentrando nossas investigações, cruzando informações com outras unidades, para saber se os perfis deles coincidem nas descrições de vítimas de outros pontos turísticos”, declarou a delegada Marita Souza, titular da Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur). 

Prisão
Lucas e Danilo foram presos cerca de 36h após o latrocínio. Com depoimentos de testemunhas, ações de inteligência e diligências, Lucas foi localizado por equipes da 15ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Itapuã), na noite de quarta-feira (20), próximo da Lagoa do Abaeté, onde mora. "Importante ressaltar que o caso foi uma exceção. Patrulhamos diariamente a região e o fato aconteceu em um local sem iluminação pública, o que estimula a prática criminosa", destacou o comandante da 15ª CIPM, major Marcelo Franco.

Ao CORREIO, a Prefeitura de Salvador informou, através da sua assessoria de comunicação, que "refuta a tentativa do representante da PM de tentar responsabilizar o Executivo municipal pela insegurança na orla de Itapuã". Informa ainda que, "no início da gestão do prefeito ACM Neto, a cidade possuía 154,5 mil pontos de iluminação e, somente nos últimos seis anos, foram instalados novos 17,5 mil pontos, fruto de um investimento de R$120 milhões, que demonstram a preocupação da Prefeitura em garantir que a cidade esteja iluminada".

O órgão informou ainda que "no referido trecho citado pelo representante, não há iluminação na faixa de areia por exigência do órgão de fiscalização ambiental, Ibama" e que "todo projeto passa por análise, aprovação do Instituto Chico Mendes de Biodiversidade, acrescido da verificação e análise do Projeto Tamar, visando a proteção das espécies de tartarugas que utilizam a região para procriação". 

Por fim, o documento diz que "as declarações dadas pelo representante da PM podem ser encaradas como uma tentativa de tentar desviar a atenção para longe do verdadeiro problema: o crescimento da violência e da insegurança em Salvador".

Já na manhã desta quinta-feira, Danilo terminou capturado por investigadores da 12ª Delegacia (Itapuã) e do DHPP, também no bairro de Itapuã. "Grande trabalho integrado envolvendo três delegacias e a PM. Esperamos que a dupla permaneça por bastante tempo presos", declarou o titular da 12ª Delegacia, delegado Nilton Tormes.

Lucas acumula, com este caso, seis passagens pela polícia pelos crimes de roubo, furto, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Danilo, por sua vez, assumiu ter cometido roubos na adolescência, mas pela primeira vez foi pego.

Argentino foi esfaqueado em assalto (Foto: Reprodução/Facebook)

Ataque no pôr do sol
Era a primeira vez que Luiz Barizone vinha a Salvador. Por aqui, ao lado da esposa, Emília, 60, e da filha, Daniela, 25, aproveitava para conhecer a cidade. Decidiram os três assistir ao pôr do sol ao lado do Farol de Itapuã, por volta das 18h de teça (19). Tinham a intenção de retornar para o Hotel Ônix, onde estavam hospedados, em Piatã, antes do anoitecer. 

Luiz, no entanto, foi morto com um golpe de faca nas costas depois de ter dois celulares e R$ 100 roubados pelos dois suspeitos, um deles armado. Antes de sair do hotel, a família foi alertada por funcionários que a região era perigosa para fazer passeios noturnos. 

De acordo com informações do Consulado da Argentina em Salvador, a família estava ao lado do Farol quando os dois suspeitos chegaram anunciando o assalto. Luiz estava ao lado da esposa, Emília, enquanto a filha caminhava poucos metros à frente.

Casal surpreendido
Segundo Santiago Trasmonte, vice-cônsul da Argentina em Salvador, o casal foi surpreendido pelos suspeitos que arrancaram uma bolsa que Emília carregava. Durante a tentativa de arrancar o objeto, os suspeitos tiveram dificuldade em levá-lo, e a mulher acabou caindo na faixa de areia. 

Luiz tentou fazer com que a esposa se desvencilhasse da bolsa, o que causou uma briga. Um dos suspeitos acabou esfaqueando o turista nas costas. Ele morreu no local, depois de ser atendido por médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) - a equipe de paramédicos chegou cerca de 20 minutos depois. 

"A filha estava um pouco à frente quando escutou o pai gritando. Ela avistou dois suspeitos. Um deles, esfaqueando Luiz. Pessoas que estavam na praia chegaram a socorrê-lo, reanimando-o, mas ele acabou morrendo depois de ser atendido pelos médicos", disse o vice-cônsul. 

Segundo informações do consulado, outro turista argentino havia sido atacado este mês no bairro de Stella Maris. Identificado como Daniel Gustavo, 49, ele também foi esfaqueado nas costas por dois homens após reagir a um assalto. A vítima foi socorrida para o Hospital Menandro de Faria e já retornou para o país de origem. O caso é apurado pela 12ª Delegacia (Itapuã).

Viagem
A família desembarcou em Salvador no último dia 14 de fevereiro, vindo da cidade de Córdoba. Por aqui, eles ficariam até domingo (24) e já haviam conhecido outros pontos turísticos da cidade. 

Luiz era professor de educação física aposentado e já tinha estado no Brasil outras vezes em viagens feitas de carro, sempre em destinos mais próximos do país de origem, na região Sul.

"Obviamente, elas [esposa e filha] estão arrasadas. Pretendem retornar para Argetina o mais breve possível, assim que resolver a liberação do corpo de Luiz", disse Santiago. 

O cônsul da Argentina em Salvador, Pablo Virasoro, disse que o consulado está dando o suporte à família, ajudando nas traduções e nos trâmites para a liberação do corpo do argentino. A família compareceu ao Instituto Médico Legal Nina Rodrigues (IMLNR) por volta das 15h desta quarta-feira (20).

A família ficou no local até as 16h. Do lado de fora foi possível ver que Daniela, amparada pela mãe e por funcionários do IML, estava muito abalada.

Na capital baiana, a família teve no Centro Histórico o seu principal lugar de visita. Pontos como o Pelourinho e o Santo Antônio Além do Carmo passaram pelo roteiro da família, segundo o vice-cônsul. 

O corpo do argentino está no Instituto Médico Legal Nina Rodrigues e será levado para a Argentina.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/e-preciso-buscar-novos-lugares-de-fazer-piada-defende-leandro-hassum/
Porém, nova comédia estrelada pelo ator reproduz velhos preconceitos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pitty-mistura-salsa-e-rock-em-novo-single-ouca-noite-inteira/
Canção conta ainda com participação especial de Lazzo Matumbi
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/humor-joiado-cearense-para-fazer-o-cinema-brasileiro-gargalhar/
Cine Holliúdy 2 - A Chibata Sideral mistura cearensês, alienígenas e Lampião, e fecha trilogia de sucesso popular
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nostalgia-pura-netflix-divulga-trailer-da-terceira-temporada-de-stranger-things/
Com cenas inéditas, série mostra protagonistas mais velhos e novos personagens. A produção estreia no dia quatro de julho
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/la-furia-causa-nova-polemica-com-musica-e-comentario-machista-sobre-bettina/
Letra cita jovem que viralizou ao 'contar’ como ficou milionária aos 22 anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-playlist-de-verao-do-projeto-mete-som/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/testemunhas-das-mortes-misteriosas-de-maragojipe-serao-ouvidas-nesta-quarta-20/
Vítimas foram assassinadas em três segundas-feiras seguidas, há sete meses
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/procon-quer-que-empiricus-explique-propaganda-e-fortuna-de-bettina/
Empresa tem 48 horas para apresentar documentos que compravam a veracidade do que foi anunciado, com a demonstração da evolução financeira da atriz/depoente
Ler Mais