Adversário do Bahia, CRB troca Roberto Fernandes por Chamusca

esportes
08.04.2019, 09:33:00
Atualizado: 08.04.2019, 09:35:15
Último clube de Chamusca foi o Vitória (Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória)

Adversário do Bahia, CRB troca Roberto Fernandes por Chamusca

Equipes se enfrentam nesta terça-feira (9), na Fonte Nova, pela Copa do Brasil

Se no Bahia a torcida vive a expectativa da estreia do técnico Roger Machado no comando da equipe, no CRB, adversário do tricolor nesta terça-feira (9), às 19h15, na Fonte Nova, pelo jogo de volta da Copa do Brasil, a situação não é diferente. O time alagoano perdeu o técnico Roberto Fernandes, que pediu demissão neste domingo (7), um dia depois de ser eliminado da Copa do Nordeste ao perder nos pênaltis para o Santa Cruz. 

A diretoria do CRB agiu rápido anunciou um velho conhecido do torcedor baiano. Marcelo Chamusca vai ser o comandante da equipe no restante da temporada. De acordo com a diretoria do clube regatiano, o treinador vai assumir o clube a partir da quarta-feira (10), mas acompanhará o duelo contra o Bahia na Fonte Nova.

Baiano de Salvador, o último clube de Chamusca foi o Vitória, rival do Esquadrão. Demitido em março, a passagem de Chamusca na Toca do Leão durou apenas três meses e saída aconteceu após a derrota em casa para o Fluminense de Feira, por 2x0, que decretou a eliminação rubro-negra na primeira fase do Campeonato Baiano. 

Esse ano, Marcelo Chamusca enfrentou o Bahia duas vezes e ficou no empate por 1x1 na Copa do Nordeste, e 0x0 Campeonato Baiano. Como jogo de ida, no estádio Rei Pelé, em Maceió, terminou empatado em 1x1, os dois times precisam vencer para avançar à quarta fase da Copa do Brasil. Em caso de novo empate por qualquer placar,  a vaga vai ser definida nos pênaltis.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas