Após Bahia ter dois expulsos, Rodriguinho fala da arbitragem: 'Complicada'

e.c. bahia
26.05.2021, 21:55:00
Atualizado: 26.05.2021, 23:31:18
Rodriguinho, em lance de disputa de bola contra o City Torque (Felipe Oliveira/EC Bahia)

Após Bahia ter dois expulsos, Rodriguinho fala da arbitragem: 'Complicada'

Meia também citou erros individuais e pediu mais atenção ao time

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Bahia deu adeus à Copa Sul-Americana nesta quarta-feira (26). O Esquadrão precisava ganhar e contar com derrota do Independiente para avançar, mas acabou perdendo do Montevideo City Torque por 4x2, em Pituaçu. O time argentino, que bateu o Guabirá por 1x0, ficou com a vaga nas oitavas de final.

A partida foi marcada por três expulsões, sendo duas do lado tricolor: Matheus Bahia, no primeiro tempo, e Germán Conti, no segundo. Pelo City Torque, o goleiro Guruceaga também recebeu o vermelho. Já os gols foram marcados por Thonny Anderson e Nino Paraíba, pelo Esquadrão, enquanto Darío Pereira, Scotto, Allende e Guzmán marcaram pelo time uruguaio.

Após o apito final, o meia Rodriguinho lamentou a derrota. O jogador assumiu que a classificação seria complicada, mas citou as dificuldades com as expulsões e reclamou da arbitragem.

"A gente já sabia que seria difícil pela circunstância. O Independiente é uma excelente equipe, ia pegar o Guabirá dentro de casa. Começamos fazendo o que estávamos dispostos a fazer, marcar alto, tanto que conseguimos fazer o primeiro gol. Depois nos complicamos, tivemos um jogador expulso, outro em seguida. A partida complicou mais. Ainda tivemos força para reagir. A equipe demonstra um poder de reação interessante nesses momentos. Mas, infelizmente, uma arbitragem complicada mais uma vez, não gosto muito de falar sobre isso...", comentou.

Rodriguinho também destacou derrotas por erros individuais e pediu mais atenção. Eliminado da Sul-Americana, o Bahia agora foca no Campeonato Brasileiro, no qual estreia sábado (29), às 20h, contra o Santos, em Pituaçu.

"A gente tem que rever, ver onde está errando. Existem partidas que a gente acaba perdendo por alguns erros individuais, que acabam afetando nossa equipe e nosso jogo. Precisamos ter um pouco mais de atenção nas partidas", falou o meia.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
  • Assinaturas: 71 3480-9140
  • Anuncie: 71 3203-1812
  • Ache Aqui Classificados: 71 3480-9130
  • Redação: 71 3203-1048