Após grupo de PMs anunciar greve, arrombamentos e saques são registrados em Salvador

salvador
09.10.2019, 10:33:00
Atualizado: 09.10.2019, 14:30:22
(Arisson Marinho/CORREIO)

Após grupo de PMs anunciar greve, arrombamentos e saques são registrados em Salvador

Ao menos duas agências bancárias foram vandalizadas na capital

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Na loja Acrion, no bairro da Liberdade, em Salvador, dois manequins masculinos ostentam os únicos itens que restaram no estabelecimento, após arrombamento, na madrugada desta quarta-feira (9). Um deles, uma camisa azul lisa. O segundo, caído ao chão, veste - parcialmente - um short com estampa floral que, aparentemente, por pouco não foi levado. 

O ataque ao estabelecimento aconteceu por volta das 20h, nesta terça-feira (8), pouco depois que um grupo de policiais militares deliberou “greve por tempo indeterminado. O anúncio foi de pronto negado pela Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA), que garantiu “ruas seguras”.

Leia mais notícias sobre a greve

Mesmo assim, ao menos duas agências bancárias, na Calçada e Barros Reis, foram vandalizadas. Na Liberdade, em Tancredo Neves, e Cosme de Farias, estabelecimentos sofreram arrombamentos e saques. Sem se identificar, um vendedor da Acrion disse que desde a constatação do arrombamento, apenas uma viatura foi vista na Rua Lima e Silva.

“Só vieram na hora, mas depois isso aqui ficou um caos, nenhum sinal PMs”, lembra um vendedor, que fechou a loja às 18h.  Na manhã desta quarta-feira (9), o gerente da Acrion aguardava um serralheiro retirar o que restou da porta para entrar e dimensionar o prejuízo.  De antemão, contudo, disse que “o seguro é insuficiente”.

Outros dois estabelecimentos próximos, uma casa das Havaianas e a loja Le Biscuit, também sofreram saques. O CORREIO só conseguiu falar com o representante de um dos estabelecimentos, mas uma moradora contou o que viu. “O moço das Havaianas estava tirando a mercadoria, acho que ia levar para casa, mas nem ele escapou”, lamentou a professora Marisa Santos, 57 anos, que viu um grupo abordar o proprietário da loja e levar "vários chinelos".

Ela, que mora no bairro há cinco anos, afirma que a comunidade ficou assustada. “Tudo isso por causa de um anúncio irresponsável de um homem que deveria estar zelando por nosso bem, e não prejuízo”, diz, em referência ao deputado estadual Marco Prisco (PSC).

A reportagem não notou a presença de militares na Liberdade, na manhã desta quarta. Por meio de nota, a assessoria da rede Le Biscuit informou que a loja foi vítima de uma "tentativa de arrombamento". "A estrutura da loja conseguiu conter a abordagem e nada foi roubado. A segurança foi reforçada, como uma medida adicional para garantir a tranquilidade de clientes e colaboradores", informou a assessoria do estabelecimento, que funcionou normalmente hoje.

(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)
(Arisson Marinho/CORREIO)

'Para assustar'
Na agência Santander, no bairro da Calçada, o que restou da estrutura de vidro da porta de entrada foi um amontoado de estilhaços. O estabelecimento, metralhado durante a madrugada, no entanto, não teve os caixas eletrônicos danificados. 

"Sinceramente, isso nem sentido faz. Como dão tiro assim e nem tentaram explodir?", indaga um comerciante. Em anonimato, ele acredita que os tiros foram disparados nos vidros da agência "para assustar". Mesmo com o estrago, tapumes improvisados foram colocados e o banco abriu em horário normal. Já a agência do Bradesco, na localidade da Barros Reis, sofreu tentativa de arrombamento.

Sem aulas
Vizinho da Liberdade e próximo à Calçada, o bairro de São Caetano, também amanheceu sob os reflexos da greve parcial dos policiais militares. Lá, as aulas até foram suspensas.

A Escola Municipal Batista de São Caetano, além do Colégio Estadual Professor José Barreto de Araújo Bastos amanheceram de portas fechadas. Assim como o Carlos Alberto Cerqueira, colado com o Colégio Estadual Pedro Ribeiro - que té chegou a abrir, mas, às 10h, já havia liberado os estudantes.

Aluno do 9° ano, o estudante Vinícius Rocha, 15, disse que estava indo para casa mais cedo "por causa da greve". Segurando firme a mochila, o adolescente contou que ia "adiantar os passos logo" até em casa, na Capelinha.

De acordo com a Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC), as aulas estão mantidas em todas as unidades. Entretanto, o órgão confirma que em algumas escolas, como o Colégio Estadual Carneiro Ribeiro Filho, na Soledade, foi registrado baixa frequência dos estudantes. A reportagem esteve no local, mas não encontrou estudantes. 

Já a Secretaria Municipal da Educação (Smed) informou que, mesmo com o anúncio da mobilização, mais de 50% das Escolas Municipais estão funcionando normalmente. 

Mais arrombamentos
Em São Caetano, no entanto, há presença de policiais. A reportagem presenciou uma viatura da Base Comunitária, além de uma moto com dois PMs, circulando na Estrada de Campinas, avenida principal. Próximo à saída do bairro, ainda na Estrada, havia uma viatura do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto), da 9ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Pirajá). 

Mesmo local onde está localizada a Casas Freire, uma loja de móveis que sofreu arrombamento na noite de ontem. O gerente até confirmou que encontrou a estrutura danificada, mas disse que ainda não deu falta de eletrodomésticos e outros produtos. "Estamos checando", se limitou a dizer.

Quem saqueou dezenas de cosméticos na loja O Boticário, no bairro de Tancredo Neves, outra região periférica de Salvador, usou um requinte a mais. Informações dão conta de que um carro, ainda não identificado, entrou de ré para facilitar o arrombamento, na madrugada. Esta manhã, dois vigilantes da loja faziam a segurança dos produtos - alguns intactos - que foram poupados.

Eles não sabem dimensionar o prejuízo do dono, que entrou em contato com um deles às 2h. "Sei que tem seguro", comentou com a reportagem, ao citar que o proprietário ainda não esteve no local. Comerciantes e vizinhos optaram por não comentar o assunto, com a exceção de Carlos Prates, 76, ambulante na região há 40 anos.

Disse que já viu o saque àquela mesma loja em "outras vezes". Aos risos, Carlos respondeu ao próprio questionamento: "Por que sempre a O Boticário? Porque é fácil e rápido vender perfumes, todo mundo gosta".

Ao CORREIO, a Polícia Militar informou que o funcionamento das atividades policiais segue dentro da normalidade. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nivus-ja-rodamos-na-bahia-com-o-novo-suv-da-volkswagen/
Em vídeo, apresentamos as primeiras impressões sobre o veículo que tem piloto automático inteligente e detector de fadiga
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/depois-de-zidane-renata-fan-recebe-parabens-de-david-beckham-assista/
Ex-jogador inglês enviou mensagem que foi reproduzida no ‘Jogo Aberto’, da Band
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pf-cumpre-mandados-contra-quadrilha-que-fraudou-mais-de-r-4-milhoes-do-inss/
O grupo é investigado por, pelo menos, 80 benefícios previdenciários suspeitos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/5-filmes-que-voce-deve-assistir-para-apreciar-as-trilhas-de-ennio-morricone/
Compositor, que morreu aos 91 anos, era grande nome da música no cinema
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rapper-baiano-hiran-lanca-segundo-disco-galinheiro/
Disco tem participações especiais de Tom Veloso, Majur e outros artistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/serie-baiana-que-revela-salvador-sombria-ja-esta-disponivel-no-amazon-prime/
Produção tem roteiro e direção de Julia Ferreira, baiana que estudou cinema em Londres e Madri
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/netos-de-luiz-gonzaga-divulgam-nota-de-nojo-por-uso-de-musica-em-live-de-bolsonaro/
Jair Bolsonaro convidou o presidente da Embratur para tocar durante a live da última quinta
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moradores-da-lapinha-falam-ao-contrario-e-tem-um-dialeto-o-gualin/
Há meio século, falar ao contrário é considerado sinal de pertença para os moradores “raiz” do bairro da Lapinha
Ler Mais