Após polêmica por sexo gay, Anderson do Molejo diz que agora namora mulher

em alta
11.02.2022, 08:31:59

Após polêmica por sexo gay, Anderson do Molejo diz que agora namora mulher

'Ela sabe que gosto do pá', disse o vocalista

Anderson Leonardo, vocalista do Molejo, revelou que está namorando. Após uma entrevista revelando que costumava fazer sexo com homens, a eleita da vez é uma mulher. De acordo com o pagodeiro, ela sabe tudo do seu passado e também das suas preferências sexuais.

"Agora estou com uma pessoa legal, que está me dando uma moral. E ela sabe tudo da minha vida, porque eu não minto. A pessoa que está contigo não gosta de mentira. O que foi, foi. E agora a pessoa que estou, a gente faz tudo certo. Não tem problema nenhum. Ela sabe que eu gosto do pá. Inclusive, agora, de vez em quando, ela diz: 'eu sei que tu gosta do negócio do 'pá', vem aqui, não vai em outro lugar, não'", contou ele em entrevista ao canal "Cara a Tapa", no YouTube.

Relações com homens
Em entrevista a um podcast, Anderson Leonardo falou de relações que manteve com homens no passado. Ao ser questionado sobre a situação, o pagodeiro respondeu com o bom humor sobre a dinâmica de como acontecia o envolvimento com os possíveis pretendentes.

"Um cara mais velho te dá um tênis, um lanchinho... Um cozinheiro colocava uns pratinhos melhores para mim, que eu tinha que transar mesmo... Ou você acha que o prato vinha de graça? Mas isso é passado”, disse o cantor, durante um papo ao canal "Cara a Tapa", no YouTube.

'Eu era o ativo'
MC Maylon, um dos homens com que Anderson se relacionou, rebatou as declarações do pagodeiro. "É mentira dele! Não sei por que ele mente tanto. Nós tínhamos um relacionamento. Ficamos juntos por 1 ano e 2 meses, e eu era o ativo da relação", disse o funkeiro em entrevista ao Extra.

"Na época, eu era virgem anal. Eu que era ativo com ele. O Anderson voltou a falar de mim mais uma vez, e para mim, isso é uma perseguição. Estou vivendo a minha vida, ele acabou com a minha vida e com o meu sonho de me casar virgem", desabafou.

"Eu era virgem, sim! Ele me estuprou, sim! Na delegacia, saiu o laudo com a minha peça íntima com sangue, e o esperma dele. Se fosse consensual, não tinha que sair sangue...", finalizou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas