Após sair do Brasil por medo da violência, Luana Piovani é roubada em Portugal

em alta
14.01.2020, 09:41:00
(Reprodução/Instagram)

Após sair do Brasil por medo da violência, Luana Piovani é roubada em Portugal

'Dei mole, muito mirim, muito amadora. Deu ruim, me roubaram', lamentou

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A atriz e a apresentadora Luana Piovani, 43 anos, se revoltou após ser furtada em Portugal, no fim de semana. A atriz, morando no país há um ano, decidiu passear com amigos pelo Time Out Market, uma praça de alimentação com vários restaurantes em Lisboa. Ela, porém, teve sua mochila levada.

Pelas redes sociais, Luana contou que pendurou a mochila em uma cadeira; momentos depois, a bolsa desapareceu. “Dei mole, muito mirim, muito amadora. Acostumada a Portugal, um ano aqui, ainda não tinha vindo no mercado da Ribeira desde que me mudei. Deu ruim, me roubaram”, lamentou.

“Já cancelei o cartão, perdi meu vestidinho maravilhoso de couro que eu ia sair hoje à noite, mas nós vamos às compras. Foram os anéis, os dedos estão todos aqui”, brincou a ex-mulher de Pedro Scooby.

Revoltada por ter sido vítima de um crime em Portugal, para onde se refugiou por medo de “bala perdida” no Brasil, Luana concluiu: “Só espero que essa pessoa que fez essa ação desprezível apodreça no inferno, aprenda sei lá o quê”.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas