Após sucesso no Botafogo, Enderson e Marco Antônio podem reeditar parceria no Bahia

e.c. bahia
06.07.2022, 05:00:00
Recuperado de lesão, Marco Antônio está cada vez mais perto de voltar ao time do Bahia (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Após sucesso no Botafogo, Enderson e Marco Antônio podem reeditar parceria no Bahia

Meia-atacante voltou a treinar deve ser novidade diante do Vila Nova

A caminho do seu terceiro jogo no comando do Bahia, o técnico Enderson Moreira vai ser obrigado a escalar um time diferente pela terceira vez. Diante do Vila Nova, sexta-feira, em Goiânia, a principal dúvida do treinador estará no ataque, já que Raí, suspenso, não pode atuar. Mas o técnico pode ganhar o reforço de um velho conhecido. 

Depois de oito jogos de ausência entre a Série B e a Copa do Brasil, o meia-atacante Marco Antônio está recuperado da lesão que sofreu na coxa e ontem treinou normalmente com os companheiros. Ele depende apenas da condição física para reforçar o time.

No Bahia, Marco Antônio e Enderson Moreira vão reeditar uma parceria que fez sucesso no ano passado. Pelo Botafogo, treinador e atacante conquistaram o título da Série B e, consequentemente, o acesso à primeira divisão. Sob o comando de Enderson, Marco viveu o melhor momento na carreira desde que foi lançado na equipe principal tricolor, em 2016. 

Com a camisa do Botafogo, o atacante marcou nove gols e deu três assistências em 37 jogos na Série B.  Por isso, existe a expectativa de que com a chegada de Enderson ao Bahia, o atacante recupere o bom futebol. O treinador, aliás,  não descarta utilizar o jogador de 24 anos centralizado no meio-campo.

“Realmente Marco Antônio foi muito importante no Botafogo, cresceu muito, amadureceu muito, nas questões de inteligência de jogo, capacidade de poder entender o que fazer em cada situação. E ele teve uma participação muito efetiva, tanto pelo lado direito, esquerdo e centralizado, na meia”, disse o comandante.

Este ano, Marco Antônio iniciou a temporada como titular com Guto Ferreira. Atuando pelos lados do campo, deixou boa impressão nos primeiros jogos, mas o rendimento oscilou e ele perdeu espaço na equipe. Ao todo, marcou cinco gols e deu três assistências em 25 partidas.

Se optar por escalar Marco Antônio diante do Vila Nova, Enderson vai ter o terceiro ataque diferente em três partidas. Na estreia, no triunfo por 2x0 contra o Brusque, Rildo foi escolhido para atuar junto com Rodallega. No empate por 0x0 com o Grêmio, Raí Nascimento ficou com a vaga ao lado do colombiano.

Por sinal, Rildo deve voltar ao onze inicial. Ele está disponível depois de cumprir suspensão. Por outro lado, Raí Nascimento recebeu o terceiro cartão amarelo e está fora do jogo.

Completam a lista de desfalques o lateral esquerdo Luiz Henrique e o volante Rezende, ambos machucados.

Jonathan
Outro que trabalhou com Enderson Moreira no ano passado e volta a ficar à disposição no Bahia é o lateral direito Jonathan. Também recuperado de lesão, ele está treinando com o elenco. Na temporada passada, o jogador foi utilizado em somente três partidas do Botafogo na Série B. 

Com a camisa tricolor, o lateral ainda não conseguiu se firmar. No clube desde o início do ano, ele disputou apenas 11 jogos entre Série B, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Campeonato Baiano. A última vez que Jonathan esteve em campo foi no empate com o Azuriz-PR, por 1x1, em maio, pela terceira fase da Copa do Brasil. É a terceira opção na concorrência com os garotos André e Borel.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas