Argentina ou Uruguai? Um jogará na Fonte Nova na Copa América

esportes
20.12.2018, 15:28:00
Atualizado: 20.12.2018, 17:17:23
Colegas no Barcelona, Suárez e Messi são os craques do Uruguai e da Argentina, embora Messi não esteja indo para a seleção (Marco Bertorello/AFP)

Argentina ou Uruguai? Um jogará na Fonte Nova na Copa América

Veja os potes do torneio e todas as possíveis partidas que serão em Salvador, incluindo uma do Brasil

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Fifa divulgou nesta quinta-feira (20) o ranking de seleções, o que definiu também os potes da Copa América 2019, que será realizada no Brasil, de 14 de junho a 7 de julho. Isso porque a Conmebol anunciou que o ranking da Fifa ao final de 2018 será o critério adotado para o sorteio dos grupos.

Como esperado, Uruguai e Argentina são os outros cabeças de chave, além do Brasil, que ficará no grupo A. As duas seleções são as mais bem ranqueadas (fora o Brasil, país-sede), com o Uruguai em 7º lugar e a Argentina em 11º. O Uruguai é o maior campeão da competição, com 15 troféus, um a mais que a Argentina. O Brasil tem oito títulos.

A definição sobre quem vai encabeçar os grupos B e C interessa diretamente ao público baiano, pois o cabeça de chave do grupo B jogará na Fonte Nova, no dia 15 de junho. Além dessa partida, Salvador sediará também a estreia do Brasil, outros dois jogos da primeira fase e um das quartas de final que terá o 1º colocado do grupo C em campo. Ou seja, duas das três grandes seleções do continente jogarão na Fonte Nova e a chance de ter as três na arena é considerável.

O sorteio dos grupos e confrontos será realizado no dia 24 de janeiro, no Rio. A Copa América será disputada por 12 seleções, sendo 10 sul-americanas e Japão e Catar como convidadas. O pote 2 terá Colômbia (12º no ranking), Chile (13º) e Peru (20º).

Pela ordem do ranking, no pote 3 ficam Venezuela (31º), Paraguai (32º) e o Japão (50º), que aparece à frente do Equador (57º). Neste caso, o pote 4 terá, além dos equatorianos, Bolívia (59º) e Catar (93º).

Os três grupos (A, B e C) serão formados por um time de cada pote. Eles se enfrentam dentro das respectivas chaves. Os dois primeiros de cada grupo e os dois melhores terceiros colocados avançam às quartas de final, quando começa o mata-mata.

Quais seleções podem jogar na Fonte Nova?

A capital baiana vai sediar cinco jogos da Copa América 2019, como mostra a imagem acima (clique para ampliar). O primeiro deles no dia 15 de junho entre B1 x B2, sendo B1 Uruguai ou Argentina. B2 será Colômbia, Chile ou Peru.

No dia 18, o jogo A1 x A3. Como o Brasil já está designado como A1, por ser o país-sede, este é o jogo da Seleção em Salvador. O adversário será definido por sorteio, dia 24 de janeiro, e pode ser Venezuela, Paraguai ou Japão.

No dia 21 de junho, a Fonte Nova receberá C2 x C4. O time C2 pode ser Colômbia, Chile ou Peru, desde que não seja a mesma seleção que terá jogado aqui no dia 15. Já C4 pode ser Equador, Bolívia ou Catar.

O último jogo da fase de grupos em Salvador será B2 x B3. Aí sim, uma das seleções que tiver jogado no dia 15 (Colômbia, Chile ou Peru) voltará à Fonte Nova no dia 23 de junho para enfrentar Venezuela, Paraguai ou Japão.

A participação soteropolitana na Copa América termina no dia 29 de junho com um confronto das quartas de final: 1º do grupo C x 3º colocado do grupo A ou B. Neste caso, as possibilidades envolvem todas as 12 seleções. No entanto, teoricamente, é grande a chance de Uruguai ou Argentina terminar como líder do grupo C, a depender de qual fique nessa chave.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas