Bahia aposta na força como mandante para voltar à liderança da Série B

e.c. bahia
19.05.2022, 05:00:00
Tricolor vem mostrando força em casa para se manter entre os primeiros na Série B (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia aposta na força como mandante para voltar à liderança da Série B

Tricolor tem 100% de aproveitamento na Fonte Nova pela Brasileirão

O Bahia vai reencontrar o seu torcedor após dois jogos seguidos fora de casa. Nesta sexta-feira (20), o tricolor recebe a Ponte Preta, às 21h30, na Fonte Nova, pela 8ª rodada da Série B. E a força como mandante é a aposta do time para retomar a liderança.

Até aqui, o Bahia ostenta uma campanha perfeita jogando em casa. Venceu os três jogos que disputou na Fonte Nova, contra Cruzeiro (2x0), Sampaio Corrêa (1x0) e, no mais recente, goleada por 4x0 sobre o Londrina.

Os 100% de aproveitamento colocam o tricolor no seleto grupo de apenas três equipes que conquistaram todos os pontos que disputaram como mandante. Os outros são Sport e Cruzeiro, igualmente em três partidas. Essa trinca também não tomou gol dentro de casa.

A tabela de classificação realça a força que o Bahia tem jogando em Salvador. Dos 13 pontos que garantem a equipe dentro do G4, na terceira colocação, nove foram conquistados em casa, o que representa 69,2% do total. E olha que o time já fez quatro partidas fora, uma a mais do que na Fonte Nova.

“Expectativa é a melhor possível. Espero que na sexta a nossa equipe dê o seu máximo. Espero também contar com a presença dos torcedores, sabemos que o fator casa é muito importante. Nossa torcida nos embala, nos leva pra frente, é um jogador a mais. Espero que todos possam estar presentes na Fonte, que tenho certeza que daremos o nosso melhor pra buscar o triunfo”, pontuou o zagueiro Didi.

Por sinal, o Bahia sabe bem como é importante fazer o dever de casa. Na última vez em que conquistou o acesso à Série A, o mando de campo foi fator preponderante na campanha.

Em 2016, também sob o comando de Guto Ferreira, o Esquadrão conquistou 47 dos 57 pontos possíveis como mandante. O aproveitamento de 82% colocou a equipe como melhor mandante entre os 20 clubes daquela edição.

Aliás, foi a campanha em casa no segundo turno que impulsionou o tricolor rumo ao acesso. Na ocasião, o time venceu todos os nove jogos. Naquele ano, o Bahia subiu na quarta colocação, com 63 pontos, três a mais do que o Náutico, quinto colocado.

Olho no topo
O jogo contra a Ponte Preta é fundamental para o Bahia conseguir voltar ao topo da Série B. Como o Sport, segundo colocado, já entrou em campo na rodada e empatou por 0x0 com o Novorizontino fora de casa, o Esquadrão assumirá a liderança, ao menos provisoriamente, em caso de triunfo sobre o time paulista.
 
O Bahia chegaria a 16 pontos e empataria com o Cruzeiro, mas levaria vantagem no saldo de gols. Para garantir a primeira colocação ao fim da rodada, teria que secar o time mineiro, que joga só no domingo, quando recebe o Sampaio Corrêa, às 11h, no Mineirão.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas