Bahia bate Atlético-MG e garante primeiro triunfo fora de casa

e.c. bahia
24.08.2019, 12:53:00
Atualizado: 24.08.2019, 13:11:15
(Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Bahia bate Atlético-MG e garante primeiro triunfo fora de casa

Único gol da partida foi anotado por Gilberto, aos 19 minutos do primeiro tempo

Acabou a maré sem triunfos como visitante. Na manhã deste sábado (24), o Bahia chegou a sua primeira conquista fora de casa após derrotar o Atlético-MG no Independência, por 1x0 - e diante de mais de 22 mil torcedores presentes em Belo Horizonte. De quebra, ainda quebrou a invencibilidade do rival no estádio, que durava 23 jogos.

O único gol da partida foi assinalado pelo artilheiro Gilberto. O atacante, inclusive, marcou nas últimas três partidas em que esteve em campo: Flamengo, Palmeiras e Atlético-MG. No duelo contra o Goiás, na rodada anterior, ele não jogou.

Outro destaque da partida foi Douglas. O goleiro fechou a meta tricolor e fez incríveis defesas - principalmente no primeiro tempo, em que o Atlético-MG levou mais perigo. O Galo, por sua vez, estava sem suas principais peças, poupadas de olho no jogo de terça-feira (27) contra o La Equidad, da Colômbia, pelas quartas de final da Copa Sul-Americana. 

O jogo
O Bahia começou a partida trabalhando a bola, mas não encontrava muitos espaços para entrar na área do Atlético-MG. O Galo, por sua vez, passava a pressionar. Tentou o primeiro gol aos 5 minutos, quando Zé Welison arriscou da intermediária - mas a bola foi sem força e passou ao lado da meta de Douglas. Em seguida, teve boa chance com Nathan, que finalizou quase que na pequena área, mas a zaga do Tricolor travou. 

Aos 13 minutos, Lucca cobrou escanteio direto e quase fez o gol olímpico, mas Cleiton defendeu. Pouco depois, o meia fez o goleiro  ser novamente acionado, quando recebeu na área e finaliza bem, no canto, mas o defensor do Galo espalmou. Só que, na tentativa de saída de Hernández, Nino Paraíba roubou a bola e cruzou para Gilberto, que antecipou Igor Rabello e mandou para o fundo da rede, aos 19 minutos. O atacante tricolor anotou seu 23º gol no ano pelo Bahia, o oitavo pelo Brasileirão.

Atrás no marcador, o Atlético-MG voltou a pressionar em uma série de jogadas seguidas. Aos 21 minutos, Geuvânio recebeu de Nathan, entrou na área e, mesmo sem ângulo, finalizou bem, mas foi impedido por Douglas com  uma linda defesa. A jogada, porém, não valia: o auxiliar viu impedimento. Dois minutos depois, mais uma vez o meia ganhou a bola e mandou para Alerrandro, que chutou. Douglas, de novo, defendeu bem. 

O perigo seguinte veio quando Luan recebeu na entrada da área, dominou e finalizou, com a bola saindo tirando tinta da trave Tricolor. Em uma cobrança de falta, Otero também tentou marcar, arriscando, de longe, uma bomba para a direção da meta de Douglas - só que passou por cima.

O VAR foi acionado aos 35, quando Luan cruzou e a bola desviou em Juninho. Apesar dos protestos dos jogadores do Galo, que pediram toque de mão, o assistente de vídeo não viu irregularidade e mandou o jogo seguir.

O Atlético-MG continuou suas investidas, na tentativa do empate. Otero recebeu cruzamento e lançou para Alerrandro que subiu e finalizou de cabeça para o chão. Douglas, novamente, fez uma incrível defesa.

O Bahia teve uma nova oportunidade aos 42, quando Flávio chutou no ângulo esquerdo de Cleiton, mas o goleiro encaixou sem dificuldades.

Na volta para o segundo tempo, foi o Atlético, após duas tentativas frustradas de Giovanni, que teve grandes chances - todas ganhadas por Douglas. Primeiro, Guga mandou para Maicon, Nino afastou para o meio da área, Hernández apareceu e tentou finalizar, porém chutou torto para fora.

Em seguida, o goleiro do Bahia foi acionado quando Geuvânio entrou na área e finalizou de canhota - mas Douglas evitou. E, depois da defesa Tricolor cortar mal, Alerrandro pegou uma sobra de bola e finalizou com força, mas o goleiro encaixou.

Aos 11 minutos, foi a vez de Cleiton ser acionado. Lucca recebeu, entrou na área e finalizou, com o defensor rival impedindo com o braço esquerdo.

Depois das emoções nos primeiros minutos da segunda etapa, o duelo passou a ficar sem grandes destaques. O Galo até queria forçar jogadas, mas o Bahia ganhava na defesa. O Tricolor, por sua vez, diminuia suas tentativas.

Sem as equipes conseguirem criar muito, o placar seguiu igual e confirmou o primeiro triufo do Tricolor longe de casa. Com o resultado, o time chegou aos 24 pontos e subiu para a 8ª colocação. Na próxima rodada, enfrenta o CSA na Fonte Nova, sábado (31).


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/harmonia-recebe-ludmilla-e-ferrugem-em-gravacao-de-dvd-no-wetn-wild/
Gravação acontece na estreia d'A Melhor Segunda Feira do Mundo, no dia 6 de janeiro
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rapper-juice-wrld-morre-aos-21-anos-nos-estados-unidos/
Ele sofreu convulsão no aeroporto; artistas lamentam
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/fotografa-faz-ensaios-para-negros-a-preco-acessivel-no-reconcavo/
Ellen Katarine também é trancista, dreadmaker e estudante de História na UFRB
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/thiaguinho-chora-ao-cantar-musica-que-escreveu-para-fernanda-souza-veja/
Cantor começou a se emocionar durante a canção 'Deixa Tudo Como Está'
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/dancarino-morre-e-outras-duas-pessoas-ficam-feridas-em-ataque-de-faccao/
Três homens e uma mulher em um carro atiraram contra moradores em São João do Cabrito
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jovem-se-finge-de-gato-e-mia-embaixo-da-cama-para-nao-ser-achado-por-policiais/
Ele é suspeito de ter participado de um latrocínio em Fortaleza
Ler Mais