Bahia envia ofício à FBF e solicita mudança na data da semifinal

e.c. bahia
06.05.2021, 16:45:00
Atualizado: 06.05.2021, 17:36:09
Guilherme Bellintani e Vitor Ferraz, presidente e vice-presidente do Bahia, respectivamente (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia envia ofício à FBF e solicita mudança na data da semifinal

Jogo está marcado para sábado (8), mesmo dia em que o Esquadrão decide o título da Copa do Nordeste contra o Ceará, em Fortaleza

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Bahia enviou, nesta quinta-feira (6), um ofício à Federação Bahiana de Futebol (FBF), solicitando a mudança da data do jogo de ida das semifinais do Campeonato Baiano. O duelo está marcado para o sábado (8), mesmo dia em que o Esquadrão enfrentará o Ceará, pela decisão da Copa do Nordeste. A informação foi publicada pelo vice-presidente do clube tricolor, Vitor Ferraz, no Twitter.

O Esquadrão enfrentará o Bahia de Feira nas semis do Baianão. O duelo de ida está programado para às 19h30, em Pituaçu. Um pouco antes, às 16h, o tricolor terá a partida de volta da final do Nordestão, contra o Ceará, em Fortaleza.

No ofício, o Bahia argumenta que jogar as duas partidas no mesmo dia e em cidades diferentes vai prejudicar a logística, e pede para enfrentar o time de Feira de Santana no dia seguinte, domingo (9). O clube cita ainda que a preferência para a designação dos jogos, de acordo com a CBF, é do Nordestão.

"Importante registrar que o pleito acima formulado encontra amparo no regulamento do campeonato, que prevê, em seu artigo 48, que cabe à FBF "reprogramar jogos envolvendo clubes baianos que estejam disputando competições promovidas pela CBF [a Copa do Nordeste, exemplificativamente] e/ou Conmebol, sempre que houver choque de datas entre as partidas do Campeonato Estadual e aquelas válidas pelas citadas competições", diz o Bahia no ofício.

Em entrevista à Rádio Sociedade nesta quinta-feira (6), o o vice-presidente da Federação Bahiana de Futebol, Manfredo Lessa, justificou que a data para os jogos foi escolhida de acordo com o regulamento do Baianão. Juazeirense e Atlético de Alagoinhas, que fazem a outra semifinal, têm somatória de pontos maior (31) e, por isso, segundo o dirigente, jogarão no domingo (9), considerada a data principal.

"Pelo regulamento do Campeonato Baiano, a somatória de pontos entre as equipes classificadas é que vai determinar quem joga no sábado e no domingo. Se vocês pegarem a somatória de Juazeirense e Atlético, vão ver que dá 31 pontos. A somatória dos pontos de Bahia e Bahia de Feira chega a 30 pontos. Então, por isso, o jogo do Bahia está programado para o sábado", afirmou Manfredo.

Em sua publicação no Twitter, Vitor Ferraz destacou que não há, no regulamento do Campeonato Baiano, artigos que prevejam a marcação das datas de acordo com a somatória dos pontos dos classificados. O regulamento está disponível no site da FBF e há apenas um artigo similar, o artigo 50. Mas só teria aplicabilidade caso as partidas envolvessem equipes da mesma cidade, o que não é o caso.

"Art. 50 – A partir da Fase II – Semifinal, caso ocorram jogos envolvendo equipes do mesmo Município, em uma mesma data, por orientação do Comando Geral da Polícia Militar, por questões de segurança, as rodadas serão desmembradas, sendo que o jogo em que os seus preliantes tiverem no somatório das fases até então disputadas, melhor campanha, será realizado na data principal (quarta feira ou domingo), ficando o outro jogo a ser programado para (terça feira ou sábado)".

Desta forma, o vice-presidente do Bahia afirmou que a solicitação de mudança na data da partida dá à FBF a oportunidade de “mostrar se realmente não está interessada em prejudicar” o Bahia.

"Diante deste cenário e considerando que já há uma outra partida nossa no mesmo dia, o Bahia acaba de enviar ofício solicitando a mudança da data, dando oportunidade para a FBF mostrar se realmente não está interessada em prejudicar o clube", escreveu Vitor Ferraz.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas