Bahia estreia na Série A contra rival que fechou temporada 2020

e.c. bahia
29.05.2021, 08:00:00
Bahia recebeu o Santos na Fonte Nova pela última rodada da Série A 2020 (Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia estreia na Série A contra rival que fechou temporada 2020

Após três meses, Esquadrão volta a enfrentar Santos; veja o que mudou no tricolor

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Bahia vai estrear na Série A 2021 neste sábado (29), às 20h, em Pituaçu, contra o Santos. Justamente o rival que enfrentou no encerramento da temporada passada do Brasileirão. O jogo foi disputado no fim de fevereiro e o tricolor levou a melhor: 2x0 na Arena Fonte Nova, com gols marcados por Rossi e Alesson. 

Com aquele triunfo, o Esquadrão chegou aos 44 pontos, terminou na 14ª posição e garantiu vaga na Sul-Americana desse ano. Mas, apesar de apenas três meses separarem as partidas, muita coisa já aconteceu. Ao longo deste tempo, o Bahia se consagrou tetracampeão da Copa do Nordeste, só que foi eliminado da fase de grupos da competição continental.

Em campo, muitas mudanças. Naquela partida, o Esquadrão atuou com Douglas; Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Gregore, Patrick e Ronaldo (Ramon); Rodriguinho (Daniel), Rossi (Thiago) e Gilberto (Alesson).

Desses, apenas seis seguem como titulares: Nino Paraíba, Matheus Bahia, Patrick, Rodriguinho, Rossi e Gilberto.

Há, porém, uma ressalva. Nino está suspenso preventivamente pelo STJD, por causa da briga na final do Nordestão. Portanto, não poderá atuar no próximo duelo contra o Santos, e quem deve herdar a vaga na lateral direita é Renan Guedes. Na quarta-feira, o atleta de 35 anos será julgado pela Terceira Comissão Disciplinar, assim como Daniel, Juninho e o próprio Bahia.

No gol, com Douglas em má fase, Matheus Teixeira ganhou chance. Ele vinha atuando bem e havia assumido a titularidade, mas está se recuperando de lesão. Assim, quem deve entrar em campo no sábado é Mateus Claus.

Outras alterações foram feitas no time base após jogadores deixarem o clube. O zagueiro Ernando saiu após o fim do contrato, e Conti e Luiz Otávio chegaram. O segundo vem se revezando com Juninho, enquanto Lucas Fonseca foi para o banco. 

Quem também terminou seu vínculo foi o volante Ronaldo. Já Gregore foi vendido para o Inter Miami, dos Estados Unidos. Dessa forma, Thaciano, contratado na temporada, e Daniel ganharam vaga.

No ataque, tudo permanece igual: Rossi, Rodriguinho e Gilberto formam o trio principal. O camisa 9, porém, pode ser mais um a deixar o Bahia no fim da temporada. No comando da equipe, continua o técnico Dado Cavalcanti.

A provável escalação do tricolor contra o Santos é: Mateus Claus; Renan Guedes, Conti, Juninho e Matheus Bahia; Patrick, Thaciano e Daniel; Rossi, Rodriguinho e Gilberto.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
  • Assinaturas: 71 3480-9140
  • Anuncie: 71 3203-1812
  • Ache Aqui Classificados: 71 3480-9130
  • Redação: 71 3203-1048